Atualidades, Histórias

ATUALIDADES – Mia Couto entre os mentores da edição 2016/2017 do programa Rolex Mentors & Protégés

Rolex_Mentors&Proteges

A iniciativa Rolex Mentors & Protégés volta a falar em língua portuguesa. Depois de a edição de 2014/2015 contar com um discípulo português na área da música — Vasco Mendonça, cujo trabalho é abordado na mais recente edição da ‘Espiral do Tempo’ —, e depois de Álvaro Siza Vieira (para a Arquitetura, em 2002/2003) e de Gilberto Gil (para a Música, em 2013/2014), a edição de 2016/2017 contará com Mia Couto enquanto mentor na área da Literatura.

Fotografia: © Rolex Mentors & Protégés Arts Initiative

«Mia Couto é um dos mais reconhecidos escritores de África, usando uma linguagem criativa para criar uma evocativa poesia em pequenos contos e romances. O primeiro romance da autoria do escritor moçambicano, Terra Sonâmbula, é referido como um dos melhores livros africanos do século XX, tendo mesmo contribuído para o facto de Mia Couto ter sido galardoado com o Prémio Internacional de Literatura Neustadt 2014. O autor foi também nomeado para o Prémio Internacional Man Booker 2015 pela globalidade da sua obra.» — refere-se em comunicado.

David Chipperfield (arquitetura), Alfonso Cuarón (cinema), Philip Glass (música), Joan Jonas (artes visuais), Robert Lepage (teatro) e Ohad Naharin (dança) foram os outros mentores anunciados que irão passar um ano a acompanhar talentos promissores das respetivas disciplinas, através do programa Rolex.

A apresentação dos novos mentores decorreu no passado dia 6 de dezembro, no Centro Cultural del Bosque, na Cidade do México, num evento que celebrou também o encerramento da edição de 2014/2015 desta iniciativa. O próximo passo será uma busca global de novos discípulos que irão beneficiar do programa. Cada mentor irá selecionar o seu ‘protegido’ de um pequeno grupo de finalistas, no início de 2016, sendo que o programa arrancará em meados do mesmo ano.

Para Mia Couto, o seu papel enquanto mentor passa por ser uma pessoa «que pode ouvir e confirmar a existência dos ‘protegidos’» e para si espera «recuperar alguma ingenuidade e vitalidade que perdemos quando começamos a gerir o que criamos.»ET_simb

Consulte o site oficial do programa Rolex Mentors & Protégés, para mais informações.