Novidades, Relógios

NOVIDADES | SIHH 2017: Maestro, mais um momento de criatividade da Christophe Claret

Christophe_Claret_Maestro_01

Na confluência entre estética e técnica, o novo Christophe Claret Maestro é mais um momento de originalidade e criatividade relojoeira da marca. A sua cúpula em vidro permite-nos uma observação estimulante da arquitetura do movimento e das famosas pontes Charles X que se tornaram a assinatura da marca. Inconformista e dinâmico este modelo pretende trazer um toque fresco e juvenil à coleção Traditional. Com caixa de 42 mm, a mais pequena nas diversas coleções da marca de Le Locle, é uma edição limitada a 88 peças em titânio mais 88 peças em ouro rosa.

Christophe_Claret_Maestro_soldads

O Maestro da Christophe Claret está disponível em duas versões: com caixa em ouro rosa e pormenores do movimento em vermelho e ouro rosa; com caixa em titânio com pormenores do movimento em azul e antracite a condizer com a caixa. © Cristophe Claret

Para quem gosta de marcar tendências, para conhecedores e para os mais vanguardistas da moda, o Maestro, modelo apresentado pela Christophe Claret no âmbito do Salon International de la Haute Horlogerie 2017 (SIHH), não pode deixar de impressionar. O seu vidro em cúpula e a esqueletização de algumas peças dão-nos toda uma diferente perspetiva do movimento mecânico de corda manual que ‘bate’ no seu interior.

Christophe_Claret_Maestro_03

O vidro em cúpula permite apreciar os pormenores do mostrador esqueletizado nos mais diversos pontos de vista. © Christophe Claret

Christophe Claret Maestro

Aqui uma foto do Christophe Claret Maestro ao vivo, no SIHH 2017. O vidro em cúpula permite observar o espetacular mostrador e movimento nos mais diversos ângulos. © Espiral do Tempo 

O trabalho esqueletizado da ponte que sustenta o escape do relógio está algures entre o classicismo e a modernidade da tradição relojoeira. A roda do balanço, um exercício de estilo e de técnica, foi também desenvolvida e produzida in house.

Christophe_Claret_Maestro

Aqui está mais uma foto ao vivo do novo Maestro da Christophe Claret que nos mostra bem a arquitetura do mostrador. © Espiral do Tempo

Dois tambores acoplados asseguram uma otimização da eficiência, permitindo sete dias de reserva de corda. Posicionados às 12 horas, são guardados por uma ponte também esqueletizada que permite contemplar a mola de corda de um deles. Esta solução surge como perfeita para mais facilmente se ter uma noção da autonomia.

Christophe_Claret_Maestro_01t_azul

A roda do balanço, um exercício de estilo e de técnica, foi também desenvolvida e produzida in-house. © Christophe Claret

Às 5 horas, vê-se o original cone em alumínio que indica a data — aliás, de facto, trata-se de dois discos em forma cónica: o de cima referente aos números decimais. Este mostrador, também ele patenteado, realiza diariamente um salto semi instantâneo entre as 00h00 e as 00h20m. No topo ostenta um rubi ou uma safira, consoante a versão.

Christophe_Claret_Maestro_02

Às 5 horas, vê-se o original cone em alumínio que indica a data. © Christophe Claret

Entre as 3 e as 4 horas, um outro cone tem uma função inovadora e imaginativa inspirada no antigo costume de dar um nó no lenço como forma de nos lembrarmos de algo. Esta função MEMO serve os ‘cabeça de alho chocho’ e seduz os apreciadores de gadgets — e é encimada, também, por um rubi ou safira, dependendo do modelo.

Christophe_Claret_Maestro_04

O fundo, em vidro de safira, permite apreciar o mecanismo em funcionamento. © Christophe Claret

O fundo do relógio é em vidro safira, mais um ponto interessante para os apaixonados por engenharia relojoeira.

O novo Maestro tem um preço de 68.000 francos suíços. ET_simb

© Espiral do Tempo / Miguel Seabra

O Maestro da Christophe Claret no pulso. Caixa de 42mm. © Espiral do Tempo / Miguel Seabra

Consulte o site oficial da Christophe Claret para mais informações.

Save