Novidades, Relógios

NOVIDADES | Entre o céu e a terra (Casio, De Bethune, Hublot)

Abertura

Relógios em tons de azul, possantes, com objetivos e personalidades completamente diferentes entre si, mas que nos levam a pensar no mundo das viagens – tanto com os pés na terra, como com a cabeça na Lua. De entre as muitas novidades, o De Bethune DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite, o Casio G-Shock MR-G2000HT e o Hublot Big Bang Unico GMT são os instrumentos do tempo que destacamos esta semana.

De Bethune DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite

DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite. © De Bethune

De Bethune DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite. © De Bethune

Impressionante esta peça única criada pela De Bethune. O DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite é um instrumento do tempo com caixa de 42,6 mm e um mostrador que veio literalmente do espaço. Claramente não se trata de um relógio para todos os dias, é antes uma demonstração de virtudes técnicas e artesanais impossíveis de ignorar. Gostamos dele por todos os motivos e por todos os motivos gostávamos mesmo de ter a oportunidade de o conhecer e fotografar ao vivo. Mas vamos fazer um esforço e destacar o que mais nos fascina.

Porque destacamos:

* Porque é um instrumento do tempo que deita por água abaixo a relação que existe entre relógio e a sua efetiva função. Por mais inovações que tenha, por mais preciso que seja mecanicamente e por mais que até dê as horas, este é um relógio que nasceu para ser apreciado/saboreado pelos olhos. Uma peça bonita, portanto.

* Porque o mostrador é feito de um pedaço de meteorito (numa liga de ferro e níquel) que foi trabalhado e adaptado para esta peça e enriquecido com pequenas estrelas de ouro branco. O resultado é um jogo de cores e texturas hipnotizante, principalmente se tivermos em conta o modo como sobressai da caixa azul profundo em titânio polido.

DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite. © De Bethune

De Bethune DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite. © De Bethune

* Porque além da indicação das horas e dos minutos através de ponteiros em forma de seta, o DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite apresenta um turbilhão às 6 horas que é sempre mais um motivo para apreciação: não só pelo regalo para os olhos, como pelo facto de incluir uma gaiola ultra-leve exclusiva da própria marca.

* Porque falamos de um instrumento do tempo que vive graças ao calibre DB2019v3 de corda manual de elevada frequência com diversos elementos patenteados pela marca: roda de escape em silício rodeado por um anel em ouro branco, 5 dias de reserva de corda assegurados por tambor duplo auto-regulador e balanço com curva terminal plana e turbilhão ultraleve em silício e titânio.

* Porque a coroa na zona superior da caixa contribui para a harmonia deste relógio, além de estar associada, como é óbvio, a um tipo de construção específica. Em termos práticos, a coroa serve o seu propósito de dar corda e de acertar as horas.

* Porque o fundo transparente é mais um espetáculo daqueles: não só pelo nível de decoração (à la De Bethune) do movimento, como pela relação entre elementos azuis e ouro rosa,  É ali que se encontra também a indicação da reserva de corda, por meio de um ponteiro que se desloca ao longo de uma escala na lateral.

* Porque é uma espécie em vias de extinção: basicamente foi apenas produzido um exemplar. Por isso, sabemos que vai ficar sempre bem longe e merece ter toda a atenção do mundo.

DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite

De Bethune DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite. © De Bethune

Algumas notas técnicas:
De Bethune
DB28 Kind of Blue Tourbillon Meteorite

Referência/ DB28TBM – Peça única
Movimento/ Corda manual. Calibre DB2019v3, 5 dias de reserva de corda, 36.00 alt/h, 39 rubis Funções/ Horas, minutos, indicação de reserva de corda no fundo, indicador de 30 segundos via turbilhão às 6 horas Mostrador/ metal de meorito polido com estrelas em ouro branco. Anel das horas em titânio grau 5 e ponteiros em ouro rosa. Anel dos mintos em titânio escovado e titânio azulado Caixa Ø 42,6 mm/ Titânio polido azulado, asas flutuantes em titânio azulado patenteado pela marca, vidro e fundo em vidro de safira com tratamento antirreflexos, estanque até 3 ATM Bracelete/ Pele de aligátor preta com fivela em titânio azulado.

Casio G-Shock MR-G2000HT

Casio G-Shock MR-G2000HT

Casio G-Shock MR-G2000HT. © Casio

E eis que na linha G-Shock surge o MR-G2000HT,  uma edição limitada que surpreende não só pelo caráter técnico, mas também pelo caráter estético. Afinal, é curioso verificar como no que diz respeito a acabamentos fora de série, não nos podemos apenas ficar pelo conceito de relojoaria tradicional.

Porque destacamos:

* Porque um G-Shock é sempre um G-SHOCK com as tais componentes de robustez e funcionalidade para quem gosta de utilizar um relógio como companheiro para as mais diversas situações extremas.

* Porque sendo um MR-G está pensado para responder de imediato: o relógio apresenta um novo módulo com um sistema de sincronização de tempo de três formas. Isto é, recebe sinais de calibração via onda rádio e satélite GPS e liga-se aos servidores de tempo juntamente com um smartphone. Por fim, atualiza automaticamente a informação relativa a fusos horários e horários de verão a partir de um smartphone. Se o objetivo é andar perfeitamente sincronizado e com indicações precisas de tempo, eis um instrumento do tempo que poderá ser uma boa opção.

Casio G-Shock MR-G2000HT

Casio G-Shock MR-G2000HT. © Casio

* Porque consideramos muito interessante o misto de tecnologia avançada e técnicas artesanais: o relógio apresenta uma textura criada artesanalmente de acordo com a tsuiki, uma técnica de trabalho de metais que, de acordo com a marca, consiste em martelar uma folha de metal até constituir uma forma tridimensional extremamente fina. Neste caso, o acabamento foi realizado em colaboração com o mestre artesão Bihou Asano. O acabamento designa-se kasumi-tsuchime (padrão tipo neblina) e pode ser encontrado em várias partes do relógio: na luneta e na faixa central da bracelete.

* Porque, ainda na linha estética, gostamos dos apontamentos azuis na sua relação com os tons cinza que predominam. A marca designa este tom de japan blue e refere que é um tom muito apreciado no Japão. Este azul profundo descobre-se em especial na luneta e no fundo como revestimento DLC; já no ponteiro e nos botões a Casio optou pelo acabamento oboro-gin (cinzento) tradicionalmente utilizado no Japão para acessórios e ornamento de espadas.

* Porque é uma edição limitada a 500 exemplares com referências à cultura japonesa que não se encontram todos os dias. O fundo é gravado com o número de série.

Casio G-Shock MR-G2000HT. © Casio

Casio G-Shock MR-G2000HT. © Casio

Algumas notas técnicas:
Casio
 G-Shock
MR-G2000HT

Construção/ Resistente ao choque 
Estanqueidade/ 20 bar Resistência magnética/ em conformidade com a ISO 764 Frequência de sinal GPS/ 1575,42 MHz
 Frequência de rádio/ 77,5 kHz (DCF77: Alemanha); 60 kHz (MSF: Reino Unido); 60 kHz (WWVB: EUA); 40 kHz (JJY: Fukushima, Japão)/60 kHz (JJY: Kyushu, Japão); 68,5 kHz (BPC: China)
 / Receção de sinal GPS/ Calibração da hora (automática,* manual); obtenção de informação da posição (manual). Receção de ondas de rádio/ Receção automática até seis vezes por dia (exceto para utilização na China: até cinco vezes por dia) Padrão de comunicação/ Bluetooth® Low Energy/ Horas mundiais ( 39 fusos horários; ligar/desligar horário de verão; troca automática para horário de verão); Tempo Universal Coordenado.
 Cronómetro/ cronómetro de 1/1 segundos; capacidade de medição: 24 minutos; tempo decorrido 
Temporizador em contagem decrescente/ Unidade de medição: 1 segundo Alarme/ 1 alarme diário independente Outras funções/ funções de ligação móvel (horas mundiais: mais de 300 cidades, ajuste automático da hora, ajuste da hora com um só toque, configuração fácil de relógio); correção automática de ponteiros (ponteiro das horas, minutos e segundos); calendário automático, horas em formato 12/24; indicador de nível da pilha; luz LED Fonte de energia/ Sistema de energia Tough Solar  
Operação contínua/ Cerca de 23 meses com a função de poupança de energia* ativa após carregamento total. Caixa/ 54,7 x 49,8 x 16, 9 mm

Hublot Big Bang Unico GMT

Big Bang Unico GMT Titanium 2

Hublot Big Bang GMT Titanium. © Hublot

Lançado este ano e com caixa de 45 mm disponível em titânio ou em fibra de carbono, o Big Bang Unico GMT da Hublot vem simplificar o processo de acerto de um segundo fuso horário e otimizar a sua legibilidade. Isto graças a um movimento de corda automática com um módulo in-house patenteado, que permite a sincronização instantânea através de um botão: o calibre HUB1251, com 358 componentes, uma frequência de 28.800 alt/h e reserva de corda de 72 horas.

Porque destacamos:

* Porque tem um conceito de simplicidade que nos agrada: os dois botões na lateral servem para o acerto do segundo fuso horário. O botão às 2h permite avançar uma hora, já o botão às 4h atrasa uma hora. O acerto da hora local é independente dos outros ponteiros, pelo que não interfere com os ponteiros dos minutos e dos segundos. Portanto, não é necessário sincronizar todo o conjunto de ponteiros cada vez que é necessário mudar o fuso horário. Nota: um dispositivo de segurança impede a ativação simultânea de ambos os botões.

* Porque adoramos olhar para o mostrador e perceber que horas são sem dificuldade. A hora local é indicada pelo ponteiro principal, já a hora do local de origem (home time) é indicada pelo ponteiro em forma de seta. Este último está associado a um disco dia/noite no centro do mostrador, essencial para perceber se estamos em modo a.m ou p.m.

Big Bang Unico GMT Carbon 2

Hublot Big Bang GMT Carbon. © Hublot

* Porque o facto de a graduação das horas surgir alternada entre mostrador e luneta é uma opção que contribui para fazer deste um modelo inconfundível, no âmbito dos modelos Big Bang, mas sem perder a sua identidade enquanto modelo Hublot.

* Porque se estamos adeptos do tom azul nos relógios de pulso, mais adeptos ficamos quando o tom azul é associado a tons como o atracite (fibra de carbono) ou o preto, como é o caso deste modelo. A bracelete em borracha azul e preta texturada é o complemeto perfeito para uma personalidade mais sofisticada e o sistema de troca simples de braceletes ‘One Clic’ convida a experimentar outros looks.

Big Bang Unico GMT Carbon 5

Hublot Big Bang GMT. © Hublot

Algumas notas técnicas:
Hublot 
Big Bang Unico GMT

Referências/ 471.NX.7112.RX (Titânio); 471.QX.7127.RX (Fibra de carbono).
Movimento/ Corda automática. Calibre HUB 1251, 72 h de reserva de corda, 28.800 alt/h (4Hz), 441 rubis Funções/ Cronógrafo com botão de reset e alavanca start/stop, horas, minutos, segundos, data numa janela às 12 horas Caixa Ø 45 mm/ Titânio polido e acetinado ou fibra de carbono, vidro e fundo em vidro de safira com tratamento antirreflexos, estanque até 100 m Bracelete/ Borracha preta e azul raiada; fecho de báscula em titânio (para o modelo em titânio) ou em fibra de carbono e titânio PVD preto (para o modelo em fibra de carbono).