Outubro 2017

Miguel Gomes © Espiral do Tempo

ENTREVISTA EXCLUSIVA – Miguel Gomes da ArtFalco: simbiose pura

Há pessoas que têm a capacidade de transmitir pelo entusiasmo sincero das palavras as suas verdadeiras paixões. Miguel Gomes, falcoeiro de profissão e de coração, é uma dessas pessoas. Foi ele que, com a paciência de Serenia, tornou possível a concretização da capa desta edição – numa relação que procurámos estabelecer entre o Patek Philippe Ref. 5524G enquanto relógio que presta tributo à conquista dos céus e o falcão. Foi Miguel Gomes também que nos revelou alguns dos segredos da arte da cetraria/falcoaria. Romântico assumido num mundo que vive da relação de cumplicidade, simbiótica mesmo, entre ave e falcoeiro, o fundador da ArtFalco mostrou-nos ainda que entre falcões e relógios mecânicos há mais semelhanças do que alguma vez poderíamos pensar.

Luminor Due

NOVIDADES – Os quatro novos Luminor Due by Officine Panerai

Um Luminor de silhueta elegante, em material precioso polido, de 42 mm e estanque até 30 metros talvez não seja o tipo de relógio que associamos à Officine Panerai. Isto se formos puristas da marca ou mesmo paneristi de alma coração.  Mas foi isso mesmo que a marca italiana fez em 2016 – atreveu-se a oferecer uma resposta alternativa ao mercado do seu icónico Luminor 1950 e deu que falar. E este ano repete a proeza com o lançamento de mais quatro versões. Falamos da coleção Luminor Due que começa agora a chegar a Portugal.

Destaque_

RECOMENDADO – A semana que passou em destaque (agora os smartwatches e os relógios de quartzo)

Os smartwatches e a reação da relojoaria tradicional a esta espécie de intruso no mundo dos relógios de pulso é um tema com pano para mangas. E muito se tem dissertado sobre a questão. Mas nos últimos tempos, nota-se uma mudança no modo como é abordada. Mais do que se falar das implicações dos smartwatches no domínio dos relógios mecânicos ou da relojoaria tradicional, começa-se a discutir a sua implicação no campo específico dos relógios de quartzo. A este propósito e neste início de semana, selecionámos alguns artigos que nos fazem pensar.

WatchTime

AGENDA – WatchTime New York 2017

O WatchTime New York é um evento dedicado à relojoaria de luxo ancorada em dois dias de experiências como um exclusivo cocktail de abertura, apresentações promovidas pelas marcas presentes e sessões de esclarecimento dinamizadas por editores da revista WatchTime, organizadora, por convidados especiais e peritos na área da indústria relojoeira. A.Lange & Söhne, TAG Heuer, Vacheron Constantin, Jaeger-LeCoultre, Breguet, MB&F, Carl F. Bucherer, Seiko, Bell & Ross são apenas algumas das marcas representadas este ano. Para adquirir bilhete consulte o site oficial. De 13 a 14 de outubro de 2017. /Local Gotham Hall, Nova Iorque /Mais info watchtimenewyork.com

BjornBorg_Rolex

PONTO de VISTA – Borg vs McEnroe: o filme, a rivalidade e os relógios

Estreou recentemente nas salas de cinema portuguesas um filme sobre aquele que considero ser o mais relevante encontro de ténis de todos os tempos – a final de 1980 em Wimbledon entre Bjorn Borg e John McEnroe capturou o imaginário do planeta e também mudou a minha vida para sempre. A Rolex marca presença destacada não só por ser a histórica cronometrista oficial do mais famoso torneio do mundo mas também no pulso dos dois protagonistas…

Destaque_Jaeger-LeCoultre Duomètre à Quantième Lunaire

EM FOCO – Jaeger-LeCoultre Duomètre à Quantième Lunaire

O Duomètre à Quantième Lunaire coloca em evidência o ciclo das fases da Lua — a par do calendário mensal, num belo mostrador bipartido e recortado para deixar entrever a sua prodigiosa mecânica. E, por mais hipnótica que seja a velocidade do ponteiro fulminante dos segundos (1/6) e surpreendente a estruturação do mostrador, é precisamente na parte mecânica semiescondida — mas passível de ser apreciada através do fundo transparente — que reside o seu trunfo: um movimento mecânico com duas fontes energéticas independentes para que as complicações adicionais não consumam a energia requerida pelas indicações fundamentais e vice-versa.

destaque Thierry Stern Patek Philippe

REPORTAGEM – Patek Philippe: Voar mais alto

Tive o privilégio de privar com o presidente da Patek Philippe, Monsieur Thierry Stern, duas vezes nos últimos dois meses. A primeira, em Nova Iorque, no passado mês de julho, para descobrir a incrível exposição The Art of Watches promovida pela própria Patek Philippe. A segunda, há escassos dias, na Suíça, em Plan-les-Ouates, na sede da manufatura. Entre estes dois momentos, toda a equipa editorial decidiu escolher o Calatrava Pilot Dual Time 5524G como capa da nossa 60.ª edição. Todo um símbolo.