Novidades, Relógios

NOVIDADES | F.P. Journe Chronomètre Holland & Holland

FPJourne_destaque

François-Paul Journe surpreendeu tudo e todos com uma nova série exclusiva: associou-se à tradicional companhia armeira Holland & Holland para uma edição limitada F.P. Journe Chronomètre Holland & Holland de 38 + 28 exemplares.

© F.P.Journe Invenit et Fecit

© F.P.Journe Invenit et Fecit

François-Paul Journe é um génio de personalidade muito peculiar. Essa fama de génio relojoeiro granjeou-lhe muitos amigos e abriu-lhe muitas portas na sequência da sua carreira e do estabelecimento da sua galardoada marca F.P Journ Invenit et Fecit e no mais elevado patamar da alta-relojoaria. Mas, ao contrário do que frequentemente se vê na indústria, muito raramente procurou associar-se a outras marcas ou personalidades – quando o faz é porque tem mesmo de ser algo de excecional. E foi por essa razão que o seu anúncio de uma nova parceria concitou as atenções dos especialistas e dos colecionadores.

FPJourne_12

© F.P.Journe Invenit et Fecit

A parceria foi estabelecida com o secular armeiro britânico Holland & Holland e redundou numa dupla série limitada do modelo Chronomètre concebida a partir de aço damasco utilizado no cano de duas antigas pistolas do século XIX – o cano nº 1382, de 1868, proporcionou metal suficiente para 38 mostradores; o cano nº 7183, mais pequeno e datado de 1882, permitiu o fabrico de 28 mostradores.

FPJourne_9

© F.P.Journe Invenit et Fecit

A produção começou com o corte dos canos nas instalações da Holland & Holland e consequente transformação em placas para posterior limpeza e corte na espessura certa; depois foi feito o envio para a manufatura de mostradores Les Cadraniers de Genève (da qual a F.P. Journe é co-proprietária e que já visitámos para uma reportagem publicada na Espiral do Tempo), onde se fez o redimensionamento necessário; seguidamente, o material regressou à Holland & Holland para serem ‘acastanhados’ segundo uma técnica armeira tradicional que ajuda a proteger o aço e destaca os sensacionais padrões do damasco existentes aquando do fabrico original das armas.

FPJourne_10

© F.P.Journe Invenit et Fecit

O aço damasco é a união de dois ou mais tipos de aço de caraterísticas diferentes e unidos pelo método de caldeamento; uma barra de damasco pode ter várias camadas (normalmente entre 50 e 600) e o produto final é caraterizado não só pela sua beleza mas também pela sua flexibilidade, uma vez que cuteleiro mistura um aço de alto teor de carbono com um de médio/baixo teor de carbono. É de difícil obtenção, o que faz encarecer o produto, sendo consequentemente muito valorizado por colecionadores – sobretudo colecionadores de armas, desde espadas japonesas com mais de 1000 camadas fabricadas por volta de 110 aC, passando pelas espadas de Vikings e Celtas por volta de 600 aC até às pistolas e espingardas fabricadas pela Holland & Holland.

FPJourne_4

© F.P.Journe Invenit et Fecit

Sendo o mostrador em aço damasco, a F.P. Journe escolheu também o aço para a caixa do relógio – com um elegante diâmetro clássico de 39mm (espessura de 8,60mm) que pode ser utilizado por praticamente todos os pulsos. Resultado final: uma edição de grande valor e raridade, com uma ondulada estética hipnótica dos mostradores em damasco mas também com todas as valências do modelo Chronomètre – coroa típica F.P. Journe, calibre 1304 de corda manual em ouro (com decoração específica Holland & Holland no contorno dos tambores) e 56 horas de reserva de carga. Mas sem ponteiro dos segundos! Cada movimento faz referência ao número do cano de onde o aço Damasco foi extraído e o correspondente número da edição limitada, entre os 66 exemplares (38 mais 28) manufaturados.

O custo de cada um? 45 mil francos suíços.

Consulte o site oficial da F.P.Journe para mais informações.