Novidades, Relógios

NOVIDADES | Pré-SIHH 2018: Vacheron Constantin Overseas Dual Time (mais uma variante ultramarina)

Vacheron Constantin Overseas Dual Time DESTAQUE

A nova geração de celebrada linha Overseas foi apresentada pela Vacheron Constantin em 2016, arrancando logo com 12 referências. Na Dubai Watch Week tivemos a oportunidade de, em antevisão, ver alguns novos modelos que estarão em destaque na próxima semana – no Salon International de la Haute Horlogerie. Como o Overseas Dual Time. Aqui fica a história do Overseas e a apresentação do novo modelo.

Como é sobejamente sabido no mundo da relojoaria, três das mais relevantes manufaturas suíças apresentam no seu catálogo uma prestigiada linha desportiva com muitas semelhanças entre si e estilizada na década de 70 – sendo que a Audemars Piguet lançou o Royal Oak em 1972, a Patek Philippe apresentou o Nautilus em 1976 e a Vacheron Constantin respondeu com o 222 em 1977. Os dois primeiros nomes tornaram-se incontornáveis na história da relojoaria moderna, ao passo que o terceiro desapareceu para dar lugar a uma outra nomenclatura a partir de 1996: Overseas, que no entanto manteve as linhas do antecessor.

Vacheron Constantin Overseas Dual Time 7900V/110A-B333 (mostrador de tom prateado)

Vacheron Constantin Overseas Dual Time Ref. 7900V/110A-B333 (mostrador de tom prateado)

Ao contrário do que se pensa, o autor das linhas do 222 (assim designado porque o embrião surgiu no 222º aniversário da marca mas que que posteriormente se designou Phidias e finalmente Overseas) foi Jorg Hysek e não Gérald Genta… e o seu advento remonta a 1977 e a uma década de grandes mudanças – não só na relojoaria propriamente dita com o surgimento do quartzo asiático e a consequente crise da produção mecânica helvética, mas também no próprio estilo de vida das pessoas em geral e da classe mais abastada em particular. E foi diferente do Royal Oak e do Nautilus no sentido em que, sendo esses dois modelos lançados originalmente numa versão de luxo em aço (mas ‘tratado como se fosse um metal precioso’), o 222 nasceu combinando o aço com o ouro. Na altura, não era intenção da Vacheron Constantin dominar o segmento dos relógios desportivos de luxo, mas dar aos aficionados/clientes uma alternativa adequada a um estilo de vida mais ativo. Era a época dos playboys, do jet-set, da Côte d’Azur, dos iates, dos desportos de elite. O 222 era impermeável até aos 150 metros de profundidade e foi rebatizado Phidias no início da década de 90, após um restyling adaptado aos gostos da altura. Mas, poucos anos depois, recebeu uma nova atualização e um novo nome: Overseas.

Vacheron Constantin Overseas Dual Time com caixa em ouro rosa. © Miguel Seabra/ Espiral do Tempo

Vacheron Constantin Overseas Dual Time com caixa em ouro rosa. © Miguel Seabra/ Espiral do Tempo

A linha designada Overseas surgiu em 1996 com um visual mais agressivo, mais angular, mais masculino do que a sua antecessora – e o novo nome evocava aventuras ultramarinas, ao passo que o estilo evidenciava uma maior ligação à marca com o uso criterioso da Cruz de Malta. A atualização efetuada em 2004 reforçou ainda mais o espírito do relógio graças a uma adaptação estética que teve a assinatura de Vincent Kauffman; as novas dimensões acima dos 40mm e as múltiplas versões em metais preciosos também lhe deram maior proeminência. A renovação apresentada em 2016 e agora vigente no catálogo foi por nós abordada na altura e apresenta igualmente múltiplas possibilidades de escolha entre modelos em aço e em ouro – estando agora a ser reforçada no âmbito do Salon International de la Haute Horlogerie de 2018, que arranca na próxima segunda-feira, 15 de janeiro.

Vacheron Constantin Overseas Dual Time

O Vacheron Constantin Overseas Dual Time apresenta um ponteiro com seta na extremidade para indicação do segundo fuso horário. © Vacheron Constantin

Cada vez mais completa, a nova geração do Overseas teve atualizações de monta assinadas pelo diretor criativo Christian Selmoni: um perfil mais fino e menos angular, dimensões mais ergonómicas, um mostrador em dois planos mais sofisticado tanto na sua grafia, como na aplicação dos índexes, acabamentos de superfície alternadamente polidos e escovados desde a luneta estilizada (evocativa da Cruz de Malta) à base da caixa, fundos transparentes em safira, calibres automáticos com um rotor em ouro de 22 quilates personalizado inspirado na rosa-dos-ventos, movimentos de manufatura com um anel de ferro macio anti-magnético, e um sistema de mudança rápida de correias/braceletes que permite passar da bracelete metálica com a Cruz de Malta (incorporada nos elos já presente nas edições anteriores mas que agora surge mais estilizada) para uma bracelete em cauchu ideal para atividades mais lúdicas/estivais e para uma correia em pele para ocasiões mais elegantes.

Vacheron Constantin Overseas Dual Time Ref. 7900V/110A-B334 (mostrador azul). © Miguel Seabra/ Espiral do Tempo

Vacheron Constantin Overseas Dual Time Ref. 7900V/110A-B334 (mostrador azul). © Miguel Seabra/ Espiral do Tempo

Tal como os modelos previamente apresentados desde 2016, o novo Overseas Dual Time que pudemos ver em primeira mão na Dubai Watch Week (nas suas diversas variantes) é alimentado por um movimento automático de manufatura e tem a certificação do Punção de Genebra. O facto de a sua função suplementar permitir a leitura simultânea de duas zonas horárias graças a um processo especialmente fácil de utilizar e de dispor de um sistema de troca rápida de braceletes (aço, couro e borracha) faz dele um instrumento do tempo particularmente adequado para os viajantes e para uma clientela que gosta de relógios de prestígio que sejam suficientemente desportivos para fazerem face a atividades mais radicais. Afinal de contas, foi essa premissa que esteve na génese da coleção.

Vacheron Constantin Overseas Dual Time Ref. 7900V/110A-B334 (mostrador azul)

Um perfil mais fino e menos angular, dimensões mais ergonómicas, um mostrador em dois planos mais sofisticado tanto na sua grafia, como na aplicação dos índexes: algumas das atualizações dos novos Overseas. © Vacheron Constantin

O Overseas Dual Time é motorizado por um novo movimento mecânico automático de manufatura, o Calibre 5110 DT – que possibilita a leitura simultânea de duas zonas horárias através de dois ponteiros coaxiais. Enquanto o ponteiro das horas indica a zona horária local que corresponde à localização atual do utilizador, o ponteiro coroado com uma seta indica a hora numa zona horária de referência (a chamada ‘hora de origem’). Um disco de 12 horas pode ser ajustado em ambos os sentidos através da coroa (posição 1: hora local, ajuste independente de salto; posição 2: hora de origem, ajuste de varrimento contínuo de ambas as zonas horárias e dos minutos), além de um indicador de horário diurno ou noturno, configurado para a hora de origem, e uma indicação da data mediante ponteiro, ajustada e fixa através de um pulsador bloqueado com rosca, na posição das 4 horas, e sincronizado com a hora local. O Calibre 5110 DT é constituído por 234 peças, bate a uma frequência de 4 Hz e oferece uma confortável reserva de marcha de 60 horas graças a um tambor duplo de corda que também garante a sua regularidade.

Vacheron Constantin Overseas Dual Time 04

O Overseas Dual Time é motorizado por um novo movimento mecânico automático de manufatura, o Calibre 5110 DT. © Vacheron Constantin

 

A caixa com 41 milímetros de diâmetro é estanque até 150 metros de profundidade e exibe um desenho que destaca as características emblemáticas da coleção Overseas. Já o mostrador lacado translúcido faz-se acompanhar de ponteiros e indexes horários de ouro, facetados e luminescentes; uma dupla gradação representa as escalas dos minutos e dos segundos. O Overseas Dual Time está disponível em três versões: caixa de aço inoxidável e mostrador azul, caixa de aço inoxidável e mostrador prateado; e caixa de
 ouro rosa 5N de 18 quilates com mostrador prateado.

Vacheron Constantin Overseas Dual Time com caixa em ouro rosa. © Miguel Seabra/ Espiral do Tempo

Vacheron Constantin Overseas Dual Time com caixa em ouro rosa. © Miguel Seabra/ Espiral do Tempo

Veremos se na próxima semana a Vacheron Constantin acrescentará outros modelos à coleção Overseas, para além do Dual Time…

Vacheron Constantin Overseas Dual Time Ref. 7900V/110A-B334 (mostrador azul)

O Vacheron Constantin Overseas Dual Time Ref. 7900V/110A-B334 (mostrador azul) com as diferentes opções de braceletes.

Vacheron Constantin Overseas Dual Time

As três opções de braceletes associadas à versão em ouro rosa do Vacheron Constantin Overseas Dual Time.

 

Vacheron Constantin Overseas Dual Time 7900V/110A-B333 (mostrador de tom prateado)

A versão com caixa em aço e mmostrador prateado surge com tr~es opções de bracelete; aço, borracha e pele de aligátor.

Como é habitual, aqui ficam algumas características técnicas. Consulte o site oficial da Vacheron Constantin para mais informações.

Características Técnicas

Vacheron Constantin
Overseas Dual Time

Referências /
 7900V/110A-B334 (mostrador azul); 7900V/110A-B333 (mostrador de tom prateado). 7900V/000R-B336 (ouro rosa) Relógios distinguidos com a Punção de Genebra.

Movimento / 5110 DT de corda automática, massa oscilante Overseas de ouro de 22 quilates 30,6 mm (13’’’¼) de diâmetro, 6 mm de espessura, aproximadamente 60 horas de reserva de corda 4 Hz (28.800 alt/hora) 234 peças 37 rubis.
Funções / Horas, minutos segundos centrais, segundo fuso horário configurado através da coroa, indicação dia/noite (AM/PM) na posição das 9 horas, sincronizada com a hora de origem, data nas 6 horas, sincronizada com a hora local, configurada mediante um botão.
Mostrador / Translúcido, lacado em azul / tons prateados, base acabada com efeitos de raios de sol e friso de acabamento aveludado, índexes horários aplicados e ponteiros de horas e minutos em ouro de 18 quilates com revestimento luminescente branco.
Caixa Ø 41 mm / Aço inoxidável ou ouro rosa 18 kt, 12,8 mm de espessura, fundo em vidro de safira, estanqueidade testada a uma pressão de 15 bares (aproximadamente 150 metros de profundidade)
Bracelete/ Bracelete de aço, com elos polidos e desbastados em forma de meia Cruz de Malta. Vem com uma segunda correia de pele azul / preta de  aligátor, com forro interior de nubuck preto com efeito microperfurado, cosida à mão, e com grandes escamas quadradas. Vem com uma terceira bracelete de borracha azul / preta. Na versão em ouro rosa: bracelete de pele castanha de aligátor com forro interior de nubuck preto e efeito microperfurado, cosida à mão, grande escamas quadradas e bracelete extra de borracha azul / preta
Fecho/ Bracelete de aço inoxidável e ouro rosa (na versão em ouro rosa) com triplo fecho de báscula de aço inoxidável (ou ouro rosa) com botões e um sistema de ajuste que oferece a máxima comodidade. Vem com outro triplo fecho de báscula de aço inoxidável com botões e um sistema intercambiável patenteado compatível com as duas braceletes adicionais.