Pierre Maillard

ET47_PMaillard_JVernes

A hora elétrica no fundo dos mares

EdT47 — «Agora, repare neste relógio: é elétrico e trabalha com uma regularidade que desafia a dos melhores cronómetros. Eu dividi-o em vinte e quatro horas, como os relógios italianos, porque, para mim, não existe nem noite, nem dia, nem sol, nem lua; existe apenas esta luz artificial que arrasto até ao fundo dos mares. Veja: neste momento, são dez horas da manhã.»