Atualidades

WatchTime

AGENDA – WatchTime New York 2017

O WatchTime New York é um evento dedicado à relojoaria de luxo ancorada em dois dias de experiências como um exclusivo cocktail de abertura, apresentações promovidas pelas marcas presentes e sessões de esclarecimento dinamizadas por editores da revista WatchTime, organizadora, por convidados especiais e peritos na área da indústria relojoeira. A.Lange & Söhne, TAG Heuer, Vacheron Constantin, Jaeger-LeCoultre, Breguet, MB&F, Carl F. Bucherer, Seiko, Bell & Ross são apenas algumas das marcas representadas este ano. Para adquirir bilhete consulte o site oficial. De 13 a 14 de outubro de 2017. /Local Gotham Hall, Nova Iorque /Mais info watchtimenewyork.com

Destaque

RECOMENDADO – A semana que passou em destaque (três entrevistas de que vai gostar…)

Nesta segunda -feira, recomendamos três entrevistas relacionadas com três temas que fazem a atualidade relojoeira. Falamos de Aurel Bacs, a propósito do leilão do mítico Rolex Ref.6239 Daytona Paul Newman, de Elie Bernheim, a propósito do lançamento do calibre RW1212, e de Karl-Friedrich Scheufele a propósito do lançamento do Chronomètre Ferdinand Berthoud FB 1.3 da Ferdinand Berthoud. 

Espiral do Tempo

EDIÇÃO IMPRESSA – Espiral do Tempo celebra 60 edições ( e, no entanto, parece que começámos ontem!)

O número 60 reveste-se de uma importância muito especial para os apreciadores da bela relojoaria: 60 segundos perfazem um minuto e 60 minutos somam uma hora. Mestres relojoeiros, engenheiros e designers devem imperativamente sujeitar-se a esta convenção, pedra angular de qualquer novo mecanismo ou mostrador. O diktat do número 60 é praticamente inevitável, num momento em que celebramos 60 edições. Neste contexto, o número 60 foi, naturalmente, eleito como temática desta edição. Uma edição muito especial, onde procurámos ultrapassar os lugares comuns para surpreender ainda mais os nossos leitores.

NobelMedicina

POR FALAR EM RELÓGIOS – Nobel da Medicina 2017 para trio que investiga os mecanismos que controlam o relógio biológico

O prémio Nobel da Medicina 2017 foi atribuído a Jeffrey C. Hall, Michael Rosbash e Michael W. Young, pelas descobertas associadas aos mecanismos do ciclo circadiano, ou seja, o nosso relógio biológico. Com efeito, os investigadores usaram moscas da fruta como modelo e conseguiram isolar o gene responsável pela produção de uma proteína crucial na regulação do ritmo dos seres vivos. A atribuição do galardão foi  hoje anunciada na página oficial do Twittter do Prémio Nobel e é lá que o nosso leitor pode encontrar inúmeros detalhes relativos à investigação. Siga também o live que está a ser levado a cabo pelo The Guardian.

ZegarekRoku

RECOMENDADO – O Relógio do Ano pelo ch24.pl

Com a entrada no outono e no último trimestre, começam a surgir os resultados das diversas eleições de Relógio do Ano 2017 (Zegarek Roku 2017) – e a primeira a ser conhecida é a iniciativa promovida pelos nossos amigos da ch24.pl na Polónia, Tomasz Kiełtyka e Łukasz Doskocz, que conta com um elemento da Espiral do Tempo entre o júri. Principal destaque: o triunfo do notável conceito Singer Reimagined dotado do novo calibre cronográfico do mestre Jean-Marc Wiederrecht!