Audemars Piguet

RafaelNadal destaque

PONTO de VISTA: Ora bolas!

  Wimbledon concluiu-se recentemente com a consagração de dois campeões patrocinados pelo cronometrista oficial do torneio. Poucas semanas antes, Roland Garros tinha assistido a uma final entre dois jogadores de relógio no pulso. O circuito de ténis profissional tornou-se num cenário mais ou menos perfeito para muitas marcas relojoeiras ganharem notoriedade e há episódios rocambolescos que merecem ser contados…

Rolex_Federer_GMT-Master_II_Batman

Open da Austrália: o regresso de… Batman?

Numa final entre super-heróis do desporto mundial e do ténis em particular, Roger Federer derrotou Rafael Nadal e depois ergueu a taça do Open da Austrália com um relógio muito especial: o Rolex GMT-Master II que tem por cognome… ‘Batman’. A Richard Mille e a Audemars Piguet também estiveram em destaque na fase terminal do torneio.

© Ressence

SIHH 2017/ Dez relógios que ficam (especialmente) bem em pulsos de senhora

Há quem diga que, nos tempos que correm, não faz sentido catalogar os relógios em modelos de senhora e modelos de homem. As razões são de diversa ordem (a este propósito talvez seja interessante reler a crónica «Para menino e para menina»), mas, a verdade é que, independentemente do género, há relógios para todos os gostos. Por isso, fizemos uma galeria com novidades que, sejam ou não anunciadas como relógios de senhora, achamos que ficam bem em pulsos femininos. E tome nota: gostos não se discutem!

ponteiros

Ponteiros: Apontar não é feio

EdT56 — Mais do que apenas um elemento estritamente funcional, os ponteiros de um relógio podem também ser um elemento de afirmação de uma marca. Entre função, estética e origem histórica, eles têm, afinal, muito mais para contar do que apenas as horas e os minutos de cada dia.

Ilust_cafe_destaque

Crónica Economia: «Deuses do desporto no Olimpo dos relógios»

EdT56 — O que é que têm em comum nomes como Roger Federer, Ana Ivanović, Andre Agassi, Lewis Hamilton, Usain Bolt, Maria Sharapova ou David Beckham? Deuses do desporto foram ou têm sido, ao longo dos anos, as faces da longa paixão entre a indústria da relojoaria e os courts, os relvados ou as pistas de corrida, os mares onde evoluem grandes iates ou os campos de polo. Relógios e desporto tornaram-se irmãos de sangue, inseparáveis.

GPHG 2016

GPHG 2016: Liberdade, Igualdade, Fraternidade

Em Genebra — O mote da República Francesa pode servir bem para definir a 16.ª edição do Grand Prix d’Horlogerie de Genève — realizado não muito longe da fronteira com a França. Foi a relojoaria suíça que dominou, mas houve alguns intrusos e, sobretudo, viu-se mais uma vez os jovens independentes libertarem-se das suas restrições para se equipararem às históricas manufaturas. A Girard-Perregaux e a Piaget bisaram, mas as melhores histórias da noite tiveram a ver com a reaparição de Jack Heuer, a igualdade promovida por Max Büsser e a fraternidade dos irmãos Gronefeld.

GPHG 2016

GPHG 2016: Ferdinand Berthoud conquista Aiguille d’Or

O Ferdinand Berthoud Chronomètre Ferdinand Berthoud FB 1 foi o grande vencedor do Grand Prix d’Horlogerie de Genève 2016 — ao ter sido ontem distinguido com o Aiguille d’Or. Este relógio está disponível em ouro rosa e cerâmica e em ouro branco e titânio, tendo sido esta última versão a conquistar o galardão. O Chronomètre Ferdinand Berthoud FB está equipado com o Calibre FB-T.FC, movimento de corda manual com fuso corrente para melhor transmissão da força constante e um turbilhão de baixa frequência com grandes dimensões. Mas aqui fica a listagem de todos os vencedores.

Aquaracer 300M Calibre 5 Automatic Watch Ceramic Bezel

Água à vista

EdT55 — Num país virado para o oceano e cuja história assenta em proezas ultramarinas, os meses de verão assistem a um assalto à orla marítima e à proliferação de atividades náuticas. Mas quais os relógios a utilizar na praia, no barco, na marina, no mar ou debaixo dele? A água, os mares e os oceanos permanecem uma inesgotável fonte de inspiração técnica e estilística para a relojoaria mecânica tradicional.

1919 Collection Datetimer

Design integrado: o advento do relógio moderno

EdT54 — A década de 70 foi talvez a mais revolucionária da segunda metade do século XX. E foi também uma década marcante na história da relojoaria: para além de a chamada ‘crise do quartzo’ ter quase arruinado a relojoaria mecânica tradicional, foi também nesse período que se assistiu à mais exuberante variação de estilos e ao advento do relógio moderno — personificado pelo design integrado de vários modelos que se tornaram ícones. Alguns deles foram recentemente atualizados ou receberam uma nova ramificação em 2016.

EdT36_SemiFrio_03_FM_CintreeCurvex_ColorDreams

Semi frio

EdT36 — Dizem que os relógios são coisas de homem… Mas será que alguém ainda acredita mesmo nisso? Com o calor aí à porta, qualquer ocasião é motivo para despir os pulsos femininos de preconceitos e mimá-los com irresistíveis máquinas de exceção… Afinal, cada vez mais marcas sabem que as mulheres são clientes requintadas que têm um especial gosto em se deixar levar pelas delícias de um produto verdadeiramente gourmet… Este é um daqueles momentos em que o silêncio vale ouro. Na praia, na montanha, em casa ou num recanto escondido do mundo, aceite o nosso convite: deleite-se!