Chanel

Chanel_BoyFriend_Tweed_Marmoris_Hotel_Spa_01

WATCH my SKIN |Chanel Boy.Friend Tweed no Alentejo Marmòris Hotel & Spa

Edição impressa | Vila Viçosa é a única princesa que o Alentejo tem. Uma Vila com história e dona de um grandioso Paço Ducal que deixa muitos de queixo caído. Tínhamos passado por lá há uns meses, a propósito da capa da edição de outono da Espiral do Tempo. Regressámos em outubro para visitar o Alentejo Marmòris Hotel & Spa. Connosco levámos dois Boy.Friend Tweed da Chanel.

Última hora

SUGESTÕES | Guia de última hora (há sempre tempo…)

Peguemos em clichés que agora até dão jeito: os portugueses são conhecidos pela cultura do desenrasca, pelo”vão sem mim que eu vou lá ter”*, por chegarem atrasados aos eventos e pelos eventos que não começam à hora marca. São também conhecidos pelo adiar das obrigações, que passa por, por exemplo, por arrumar tudo muito bem antes de fazer o que se tem de fazer para depois deixar para amanhã o que se teria de fazer hoje. E, no seguimento, o deixar as “coisas” para o fim, o que inclui, claro, compras de última hora, principalmente em épocas simbólicas e de grande azáfama, como o Natal. Mas nós, solidários com os portugueses (afinal também o somos), preparámos uma listagem de última hora de relógios como sugestões de prenda. Segmentamos por preços, para facilitar o trabalho.

Chopard L.U.C Full Strike

ATUALIDADES | GPHG 2017: Chopard L.U.C Full Strike conquista Aiguille d’Or

O Chopard LUC Full Strike foi o grande vencedor da edição de 2017 do Grand Prix d’Horlogerie de Genève — ao ter sido distinguido com o prémio Aiguille d’Or. Depois de, em 2016, Karl-Friedrich Scheufele ter levado para casa o mesmo galardão com o seu Ferdinand Berthoud Chronomètre Ferdinand Berthoud FB 1, o co-presidente da Chopard volta a mostrar que, no domínio da relojoaria, o ser fiel  às suas convicções e aos valores da sua marca faz realmente a diferença. O L.U.C Full Strike é o primeiro repetição de minutos da Chopard e  surpreende pelo conjunto de inovações técnicas — entre elas os gongos de safira, numa construção inédita que garante um som puro e cristalino. Não poderia haver momento mais simbólico para esta vitória: o L.U.C Full Strike foi apresentado ao mundo há um ano, precisamente. Mas há mais vencedores no âmbito do GPHG 2017. Por isso e antes do habitual rescaldo, deixamos a listagem dos distinguidos.

Galeria Entrada

NOVIDADES | Baselworld 2017: os pormenores que fazem a diferença

Há muito mais para descobrir, mas compilámos em galeria alguns pormenores que nos fazem realmente suspirar. Seja de ordem técnica ou de ordem estética, a relojoaria faz-se de pequenos detalhes, com a nota de que o poder criativo das marcas é cada vez mais impressionante. Imaginação não falta, soluções originais também não. Esta é, sem dúvida, uma galeria para crescer e para revisitar. 

Entrada

NOVIDADES | Baselworld 2017: a nossa escolha do dia 2 (Bulgari, Chanel, Raymond Weil, TAG Heuer)

E continuamos em Baselworld, o mítico evento de apresentação de novidades na indústria da relojoaria e joalharia e que decorre entre 23 e 30 de março. No nosso segundo dia por lá (primeiro dia de abertura ao público em geral), deambulámos pelos stands de mais algumas marcas e voltamos a fazer uma seleção dos modelos que de uma forma ou de outra mais nos surpreenderam de entre as novidades das marcas que visitámos.

GPHG 2016

PONTO de VISTA | GPHG 2016: Liberdade, Igualdade, Fraternidade

Em Genebra — O mote da República Francesa pode servir bem para definir a 16.ª edição do Grand Prix d’Horlogerie de Genève — realizado não muito longe da fronteira com a França. Foi a relojoaria suíça que dominou, mas houve alguns intrusos e, sobretudo, viu-se mais uma vez os jovens independentes libertarem-se das suas restrições para se equipararem às históricas manufaturas. A Girard-Perregaux e a Piaget bisaram, mas as melhores histórias da noite tiveram a ver com a reaparição de Jack Heuer, a igualdade promovida por Max Büsser e a fraternidade dos irmãos Gronefeld.