Franck Muller

Into the Wild

GALERIA: Into The Wild (quase, quase como no filme…)

Ter tempo é o maior luxo dos dias de hoje. Ter tempo para ir à descoberta, para procurar novos caminhos, para contornar convenções e esquecer algumas das rotinas e regras quotidianas. A nossa proposta é: deixe-se levar. Ganhe coragem para reencontrar momentos únicos em lugares arrebatadores – no meio do nada ou no meio de tudo. Sem tempo, sem horas marcadas, sem ideias definidas. Ter a coragem de mudar de direção para ir ao encontro de algo novo. Mas com o relógio certo no pulso. Afinal, há companhias que não se dispensam. 

entrada_bronze

TENDÊNCIA: trabalhar para o bronze

EdT 59/ Os relógios em bronze não constituem particular novidade, mas passaram a ser mainstream a partir do momento em que a Panerai lançou a primeira edição do seu Bronzo — hoje em dia, já vai na terceira e, entretanto, várias outras marcas de renome adotaram um material que tem acompanhado a história da Humanidade nos últimos quatro milénios, e que, aquando do seu advento, se tornou tão relevante que mereceu uma era batizada com o seu nome. Estaremos nós na Idade do Bronze na relojoaria?

ouro

Corrida ao ouro

EdT57 — Metal precioso por excelência, o ouro sempre esteve presente desde os primórdios da relojoaria e mantém-se como material de exceção no universo relojoeiro de prestígio. Mas a sua utilização tem evoluído a par dos progressos técnicos e estéticos das últimas duas décadas no setor — aqui ficam as mais recentes novidades de uma corrida cujo interesse tem redobrado graças ao lançamento de novas ligas, tonalidades e aplicações.

A. Lange & Söhne 1815 Tourbillon

GALERIA: Sentido figurado

EdT57 — Quando encaramos um relógio de pulso pela primeira vez há sempre elementos visuais que se destacam; mas, depois, à medida que vamos contactando mais com esse relógio, à medida que o vamos conhecendo, acabamos por encontrar outros aspetos — de ordem estética ou técnica — que o traduzem enquanto instrumento do tempo. Foi com esta ideia em mente que avançámos para as fotografias que se seguem. O nosso objetivo: sintetizar com uma característica (apenas uma) um relógio selecionado. O resultado: uma espécie de jogo de relação entre relógios e objetos. Serão estas relações tão óbvias para o leitor, como o são para nós?

EdT57_nasBancas_02

Espiral do Tempo: edição de inverno em breve nas bancas

Já está a chegar às bancas a edição de inverno da Espiral do Tempo. Em plena quadra natalícia, apostámos numa capa festiva, cheia de cor, da qual salta à vista um Franck Muller Vanguard PXL. Em destaque uma entrevista exclusiva a Jean-Claude Biver, CEO da TAG Heuer, uma reportagem sobre os 20 anos da Manufacture Chopard e uma reportagem dedicada ao ouro na relojoaria. O fotógrafo Fernando Guerra foi o nosso convidado para o Test-Drive desta edição e aceitou experimentar dois modelos Porsche Design da 1919 Collection. Mas há mais para descobrir, claro.