fbpx

Livro: Mecânica do Tempo – Os Relógios da Coleção Medeiros e Almeida

Foi no passado dia 30 de maio que a Casa-Museu Medeiros e Almeida apresentou o livro Mecânica do Tempo – Os Relógios da Coleção Medeiros e Almeida, da autoria de Fernando Correia de Oliveira e de Paulo Anastácio.

A Casa-Museu Medeiros e Almeida apresentou, no passado dia 30 de maio, o livro Mecânica do Tempo – Os Relógios da Coleção Medeiros e Almeida, da autoria de Fernando Correia de Oliveira ( Editor-Chefe do Anuário Relógios e Canetas) de Paulo Anastácio (responsável pelo curso de Relojoaria da Casa Pia de Lisboa).

Esta é uma obra que nasceu de um trabalho de pesquisa sobre a coleção de relojoaria mais importante do país, e uma das mais importantes coleções do mundo. Ao longo de 416 páginas divididas por 12 capítulos, os autores percorrem a coleção privada de relógios de António Medeiros e Almeida, composta por 630 peças que vão do século XVI ao século XX.

Em destaque está não só o relógio de bolso Junot/Wellington, encomendado à Casa Breguet, em 1808, pelo general francês Jean-Andoche Junot, encomendado à Casa Breguet em 1808 pelo General francês Jean-Andoche Junot e adquirido por António Medeiros e Almeida em 1964. Interessante é também o Relógio de Noite, de 1670, uma tipologia rara que, através da luz de uma candeia de azeite alojada no seu interior, permitia ver as horas, mesmo no escuro. Esta peça foi construída por Edward East (1602-1697), relojoeiro-chefe da corte de Catarina de Bragança e Carlos II. Neste livro, podemos ainda ficar a conhecer o Relógio de Caixa Alta, Luís XV, da autoria do relojoeiro Jean Biesta (ativo c. 1759-1789) e do ebanista Antoine Foullet (c. 1710-1775), um instrumento do tempo com diversas complicações, nomeadamente equação do tempo, fases e idade da lua e calendário zodíaco.

O livro Mecânica do Tempo – Os Relógios da Coleção Medeiros e Almeida pode ser adquirido em livrarias e na Casa-Museu Medeiros e Almeida.

Outras leituras