fbpx
Atualidade

«Paixão por relojoaria»: uma exposição que celebra 20 anos da revista Espiral do Tempo

É já amanhã, dia 27 de novembro, pelas 17h, que inaugura a exposição «Paixão por relojoaria» na Leica Gallery, no Porto. A Espiral do Tempo convida a passar por esta exposição que celebra em imagens duas décadas de edição da revista e que estará ali patente entre os dias 27 de novembro de 2021 e 31 de janeiro de 2022.

Entrada do leilão da Phillips Bacs & Russo
Atualidade
Miguel Seabra

Leilões: a força do martelo

Em Genebra | Com a Dubai Watch Week a começar e o evento Espiral do Tempo/Leica no horizonte, aqui fica um último rescaldo aos extravagantes cinco dias em Genebra que estabeleceram vários recordes — e voltaram a provar que os leilões estão a contribuir muito para o valor intrínseco de uma marca, com excelentes resultados para a Phillips, a Christie’s, a Sotheby’s e a Antiquorum.

Ler mais »
Vista para o salão do Only Watch
Atualidade
Miguel Seabra

Only Watch e a vitamina relojoeira

Em Genebra | Sob o signo da cor laranja, embora não vinculativa na apresentação dos exemplares únicos, a nona edição do leilão de beneficência Only Watch desenrolou-se com um sucesso estrondoso. Aqui fica o rescaldo, com declarações exclusivas de Luc Pettavino e um especial piscar de olho a Portugal.

Ler mais »
a série Divers Sixty-Five Cotton Candy
Tendência
Miguel Seabra

Estímulos psicadélicos

A relojoaria está a reagir de maneira emocional aos tempos sombrios de crise e pandemia – recorrendo à euforia policromática para transmitir positividade. Desde os anos 70, não se via uma paleta de cores tão diversificada!

Ler mais »

Receba a Espiral do Tempo em sua casa...

Porque a bela relojoaria é eterna.

Em destaque
Atualidade
Miguel Seabra

O Grand Prix mais internacional de sempre

Tal como a Espiral do Tempo, também o Grand Prix d’Horlogerie de Genève cumpriu em 2021 o seu 20º aniversário – e a edição deste ano foi a mais internacional de sempre, com algumas estreias e surpresas pelo meio. E também com a esperada celebração de arromba de toda uma comunidade relojoeira que se juntou institucionalmente pela primeira vez desde o advento da pandemia.

Ler mais »
Perspetiva técnica
Espiral do Tempo

Algumas notas sobre os materiais dos relógios Rolex

A família Yacht-Master da Rolex nasceu em 1992 para reforçar a histórica ligação da Rolex ao universo náutico desportivo. Mas tendo crescido ao longo dos anos, é também uma linhagem que exemplifica bem o tipo de materiais utilizados nos seus relógios. Eis algumas notas sobre o ouro, o aço Oystersteel e a platina produzidos pela marca.

Ler mais »
Linde Werdelin Oktopus Moon deitado de lado m fundo escuro
Em Foco
Miguel Seabra

Linde Werdelin Oktopus Moon

O Oktopus Moon, inspirado pelo mar, pelo mergulho e pela influência da Lua nas marés, é a nova versão do Oktopus com fases da Lua, e apresenta uma combinação de tons quentes salientada pelo mostrador acobreado e a utilização criteriosa do ouro rosa.

Ler mais »

Watchfinder

Descubra o seu próximo relógio

Le Régulateur Louis Erard x seconde/seconde/

Grand Seiko Spring Drive GMT SBGE248 | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Grand Seiko Spring Drive GMT SBGE248

O Grand Seiko Spring Drive GMT Ref. SBGE248 evoca os blazers e as insígnias dos oficiais de marinha — e personifica brilhantemente a expressão ‘ouro sobre azul’, com o seu mostrador azul associado a tons dourados. É o relógio ideal para os aficionados da marca japonesa que desejam algo de diferente.

Pormenor mostrador Tudor Black Bay Ceramic | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Tudor Black Bay Ceramic

Num ano particularmente marcado pelas cores vibrantes e com o seu Black Bay Fifty-Eight de tamanho médio a ganhar cada vez mais adeptos, a Tudor

Ler mais »
Montblanc Heritage Monopusher Chronograph, sobre a mão de um homem, mãos e fundo a preto e branco, relógio a core | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Memórias coloridas

Costuma dizer-se que há cores frias e cores quentes. Que há cores que parecem macias, outras texturadas, outras lisas, outras aveludadas ou profundas e que

Ler mais »
20 ANOS em palavras

«Sempre me fascinou a coleção de relógios que o meu avô tinha começado; quando era criança gostava de ter os relógios na mão, de os sentir e de os observar – aqueles objetos antigos fascinavam-me. (…) Redescobri a coleção mais tarde, adormecida num cofre; uma das peças é um notável relógio de carruagem – quando o revi como que sofri um baque e desde logo imaginei integrar esses relógios numa coleção, associando-a ao desenvolvimento da Manufatura Chopard.»

 Karl-Friedrich Scheufele, copresidente da Chopard, in Espiral do Tempo 35  (2010)

Por marca