Watches and Wonders 2024: Chopard fortalece dualidade

A Chopard volta a revelar toda a sua competência no leque de novidades apresentadas na Watches and Wonders – tanto nas áreas de alta-relojoaria e alta-joalharia, como nas vertentes masculina e feminina. Afinal de contas, uma dualidade que se reconhece e que faz da casa fundada por Louis-Ulysse Chopard um caso muito especial.

Em Genebra

Chopard Alpine Eagle XL Chrono
Alpine Eagle XL Chrono | Foto: cortesia Chopard

Após ter sido um esteio da feira de Baselworld durante décadas, a Chopard tornou-se numa das marcas de maior destaque a partir da estreia do conceito Watches and Wonders – que sucedeu ao anterior Salon International de la Haute Horlogerie, igualmente realizado na Palexpo. Juntamente com a Rolex, a Patek Philippe e a Tudor, é apenas uma de quatro marcas que tem um stand personalizado no certame genebrino e foi nesse espaço que deu a conhecer oficialmente as suas primeiras grandes novidades de 2024. Obviamente, divididas entre alta-relojoaria e alta-joalharia para homens e senhoras. Uma dualidade que é já esperada e que revela todo o leque de competências da Chopard, sendo decorrente da liderança compartilhada entre os irmãos Karl-Friedrich Scheufele e Caroline Scheufele.
 

Alpine Eagle XL Chrono

O lançamento do Alpine Eagle, o relógio de design integrado descendente do St Moritz do final da década de 70, constituiu um importante marco para a Chopard e a nova linha imediatamente se tornou num best-seller da coleção. Obviamente que, depois do modelo inaugural de três ponteiros e subsequentes variações, seria normal a adição de um cronógrafo – atendendo às caraterísticas sport-chic do Alpine Eagle.
 
O novo Alpine Eagle XL Chrono apresenta um belíssimo mostrador que combina um azul alpino denominado Rhône Blue com totalizadores contrastantes em preto e um anel na periferia igualmente negro com uma escala taquimétrica. A combinação entre esse específico tom azul de acabamento galvânico inspirado na íris de uma águia é invulgar e será seguramente um grande trunfo do novo Alpine Eagle XL Chrono, mas não se podem esquecer todas as valências técnicas: caixa em titânio de grau 5 ultra-leve e resistente (uma estreia, após anteriores versões em Lucent Steel) com 44mm de diâmetro, uma bracelete em cauchu de grande conforto e um movimento cronográfico automático com 60 horas de autonomia – o Calibre Chopard 03.05-C dotado de roda de colunas, embraiagem vertical, função flyback e certificação cronométrica pelo COSC.
 

Chopard Alpine Eagle XL Chrono
Alpine Eagle XL Chrono | Foto: cortesia Chopard

L.U.C XPS Forest Green

 
Mais um belo exercício de estilo na senda dos relógios masculinos de inspiração clássica e execução moderna que a Chopard tem vindo a apresentar nos últimos tempos. O novo L.U.C XPS apresenta um fascinante mostrador do tipo sector dial (anéis concêntricos e setores para a indicação do tempo) que se pode situar entre os estilos Art Deco e Bauhaus num apelativo tom ‘verde floresta’, com marcadores off-white contrastantes.
 
A caixa de 40mm em aço Lucent Steel (exclusivo da Chopard) alberga o Calibre L.U.C 96.12-L, um movimento automático particularmente plano com microrrotor e somente 3,3mm de espessura, assente em dois tambores de corda gémeos que garantem 65 horas de reserva de carga. Os acabamentos de alta-relojoaria fazem jus ao pedigree da linha L.U.C e a certificação de precisão cronométrica atribuída pelo COSC garante a maior fiabilidade.

Chopard L.U.C XPS Forest Green
L.U.C XPS Forest Green | cortesia: Chopard

Imperiale

Um luxuoso relógio feminino que vale bem o nome imperial que ostenta, combinando as artes artesanais com a arte relojoeira e a joalharia com a mecânica numa impressionante criação de Caroline Scheufele. A caixa de 36mm em ouro branco de proveniência ética é adornada com diamantes e safiras ‘padparadscha’ que, para além do esmalte e da madrepérola, tornam o conjunto ainda mais precioso. O mostrador, igualmente em ouro branco, é revestido com esmalte num tom verde-azulado e madrepérola para um interessante efeito hipnótico assente num padrão floral.
 
O Imperiale é motorizado pelo Calibre 96.17-C com microrrotor em tunsgténio e 65 horas de reserva de corda – graças à tecnologia Twin assente em dois tambores de corda. Está disponível em exclusivo nas Boutiques Chopard.
 

Chopard Imperiale
Imperiale | Foto: cortesia Chopard

Happy Sport

O conceito Happy Diamonds faz parte da identidade da Chopard há sensivelmente quatro décadas e tem dado brilhantes variações saídas da imaginação de Caroline Scheufele – como é o caso do novo Happy Sport, que combina alegremente os diamantes livres do mostrador com brilhantes fixos na luneta – e os tons prateados com um azul pastel denominado aquamarine.
 
O Happy Sport faz parte do portfolio da Chopard desde 1993 e representa uma metáfora da emancipação da mulher; a nova versão está limitada a 250 exemplares com caixa em aço Lucent Steel de 33mm de diâmetro e movimento automático 09.01-C com 42 horas de autonomia.

Chopard Happy Sport
Happy Sport | Foto: cortesia Chopard

L’Heure du Diamant

Um elegante relógio de formato redondo adornado com diamantes num arranjo do tipo floral na luneta e nos marcadores das horas que é sublimado pela iridescência do mostrador em madrepérola. O brilhante conjunto é valorizado pela bracelete preta em cetim, dando-lhe um toque de gala.
 
O diâmetro de 26mm na caixa em ouro branco acentua a sua vocação feminina, mas o L’Heure du Diamant vai muito para além da joalharia: é alimentado pelo Calibre 10.01.C da Chopard, um dos mais pequenos e finos do mercado, e com uma autonomia de 45 horas de reserva de carga.

Chopard L' Heure du Diamant
L’ Heure du Diamant | Foto: cortesia Chopard

Ice Cube

Um anel que joga muito com formas geométricas e a vocação joalheira da Chopard, combinando uma estrutura minimalista assente em cubos de ouro ético (branco, amarelo ou rosa) com duas ou três filas e diamantes.
 
A utilização dos cubos como elemento preponderante e a sua ligação aos diamantes originou o nome da coleção, caraterizada pela força das facetas e linhas gráficas utilizadas em paralelo de modo perpendicular – e que inclui anéis, braceletes, brincos e pendentes.
 

Chopard Ice Cube
Ice Cube | Foto: cortesia Chopard

Outras leituras