fbpx
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Klepcys GMT Retrograde e o ADN da Cyrus

Um relógio moderno vocacionado para conquistar os aficionados numa era dominada pela tendência neo-retro: o Klepcys GMT Retrograde é a mais recente novidade da Cyrus, jovem marca de alta-relojoaria contemporânea. Eis as 10 razões do seu ADN.

Dois Cyrus Klepcys GMT ao lado um do outro: o de caixa em titânio preto DLC e o de caixa de titânio com luneta preta em titânio tratado com DLC.
Cyrus Klepcys GMT com caixa em titânio preto DLC e caixa de titânio com luneta preta em titânio DLC | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Batizada em honra de um conquistador persa que dominou o Médio Oriente há cerca de 2500 anos, a Cyrus é uma jovem marca de alta-relojoaria fundada em 2010 e que apresenta um portfolio muito interessante tanto na vertente estética como no plano técnico. A sua coleção, de notado pendor geométrico, divide-se entre as linhas Klepcys (formato almofada) e Kambys (mais retangular). O mais recente modelo a ser lançado pela Cyrus foi o Klepcys GMT Retrograde, um original relógio dotado de um segundo fuso horário que personifica bem todas as valências da marca ao mesmo tempo que lhe abre uma outra dimensão: inaugura um novo tamanho com os seus mais contidos 42mm de diâmetro, em comparação com os 44mm dos seus mais conhecidos modelos — como o Klepcys Vertical Tourbillon, o Klepcys Moon, o Klepcys Alarm ou o Klepcys Chronograph. Aqui ficam os aspetos distintivos do Klepcys GMT Retrograde.

1. Assinatura identificativa

Cyrus Klepcys GMT
As duas coroas que surgem em lados opostos da caixa fazem parte da identidade da Cyrus | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

As duas coroas que surgem em lados opostos da caixa do Klepcys GMT Retrograde (às 3 e às 9 horas) constituem um elemento fundamental na identidade da Cyrus — simbolizando também a inovação da marca. Porque, ao contrário de alguns casos em que a coroa às 9 horas surge apenas por razões estéticas de simetria, são duas coroas funcionais. Algo que faz da Cyrus a primeira marca a oferecer em todos os seus relógios essa caraterística. No caso do Klepcys GMT Retrograde, a coroa da direita serve para dar corda manual ao movimento automático e ajustar as horas; a coroa da esquerda tem um botão que faz o fuso horário suplementar avançar uma hora sem qualquer interferência nos restantes ponteiros. As coroas dos relógios Cyrus são habitualmente revestidas de uma superfície de cauchu para uma aderência ideal, como sucede no Klepcys GMT Retrograde.

2. Manufatura própria

Cyrus Klepcys GMT visto de frente e imagem do fundo de caixa com vidro transparente a ver-se o movimento
O Calibre CYR708 pode ser apreciado através do fundo em vidro de safira | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Toda a parte mecânica dos relógios Cyrus tem um desenvolvimento interno, com os calibres a serem concebidos em Le Locle na manufatura própria (Chronode) por um dos mais galardoados mestres-relojoeiros contemporâneos — Jean-François-Mojon. A autonomia de produção é total, da concepção à assemblagem, passando pelo design, produção, decoração e controlo de qualidade.

A Chronode colabora com e produz para outras marcas de topo, mas os movimentos que produz para a Cyrus são únicos. Como o movimento automático que alimenta o Klepcys GMT Retrograde: o Calibre CYR708 com 55 horas de reserva de corda, que também pode ser apreciado através do fundo transparente em vidro de safira; o acabamento antracite com tratamento de superfície microbillé é acompanhado por um rotor de estrutura condizente com a do mostrador.

3. Estética original

Close-up ao mostrador do Cyrus Klepcys GMT
A estética da Cyrus coloca a tónica numa modernidade tecnicista que faz a diferença | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

A Cyrus tem por ponto de honra provar que a alta-relojoaria pode ser original e diferente, com um visual distintivo e sem comprometer tanto a qualidade como o respeito pela tradição. A estética da Cyrus é arrojada e original, colocando a tónica numa modernidade tecnicista que faz a diferença numa era em que predomina excessivamente o estilo neo-retro e a reedição/reinterpretação de modelos do passado. O Klepcys GMT Retrograde é um exemplo perfeito dessa estilização moderna que torna a Cyrus uma marca tão especial.

4. Mostrador em camadas

Pormenor do mostrador do Cyrus Klepcys GMT
Mostrador é estruturado em vários níveis | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Como nos outros exemplares da marca, o mostrador do Klepcys GMT Retrograde é apresentado em vários níveis; os ponteiros situam-se por cima de uma base transparente em vidro de safira antirreflexo que inclui algarismos árabes das horas, um anel azul para o segundo fuso horário e o submostrador dos pequenos segundos. Depois surge a platina ao jeito openworked que deixa ver por baixo as rodas e molas douradas do calibre automático.

5. Hélice de três braços

Pormenor do submostrador dos segundos do Cyrus Klepcys GMT
O submostrador dos pequenos segundos com ponteiro em forma de hélice | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Decorado com triângulos em baixo relevo, o submostrador dos pequenos segundos incorpora um ponteiro azulado muito especial em forma de hélice de três braços — que é o símbolo/logótipo da própria Cyrus, também incluído na gravação identificativa nas duas coroas do Klepcys GMT Retrograde.

6. Ergonomia

A arquitetura de todas as caixas dos relógios Cyrus incide fortemente sobre a ergonomia, com uma estrutura arqueada que se adapta particularmente bem ao pulso muito graças às suas asas oblíquas. O formato cushion permite uma grande área de mostrador e as asas curtas ajudam a que as dimensões (os 42mm do Klepcys GMT Retrograde ou os 44mm dos outros modelos) ‘abracem’ o pulso da melhor maneira. A caixa do Klepcys GMT Retrograde é estanque a 100 metros.

7. Bracelete integrada

Cyrus Klepcys GMT visto de çado para se poder ver a estrutura arqueada que se adapta particularmente bem ao pulso e a bracelete integrada que reforça a ergonomia.
A estrutura arqueada adapta-se particularmente bem ao pulso e a bracelete integrada reforça a ergonomia do conjunto | © Cyrus

A bracelete ajuda a reforçar a ergonomia do conjunto, sendo especificamente elaborada para o Klepcys GMT Retrograde e com uma integração perfeita que prolonga as linhas da caixa. Concebida numa mistura de cauchu de última geração (maleável, resistente, anti-alérgica), está identificada com o logo da Cyrus e equipada com um fecho de báscula dotado de botões de abertura.

8. Complicação original

Pormenor do ponteiro do segundo fuso horário do Cyrus Klepcys GMT
Sistema retrógrado associado ao segundo fuso horário com ponteiro em forma de seta | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

A designação Klepcys GMT Retrograde surge devido ao sistema retrógrado associado ao segundo fuso horário: quando o ponteiro luminescente em forma de seta chega às 24 horas na escala lacada a azul, salta instantaneamente para trás e retoma o seu percurso de 280 graus para nunca obstruir parcialmente o submostrador dos pequenos segundos. A Cyrus procura sempre maneiras originais de indicar o tempo ou de apresentar as funções dos seus relógios.

9. Disponível em várias versões

Cyrus Klepcys GMT com caixa de titânio, caixa de titânio com luneta preta em titânio tratado com DLC e caixa em titânio preto DLC.
Três versões: caixa de titânio; caixa de titânio com luneta preta em titânio DLC; caixa em titânio preto DLC | © Cyrus

Todos os modelos da Cyrus são apresentados em várias declinações. O Klepcys GMT Retrograde está disponível em três variantes: caixa de titânio, caixa de titânio com luneta preta em titânio tratado com DLC e caixa em titânio preto DLC.

10. Tiragem limitada

Cyrus Klepcys GMT Pormenor da inscrição 'Limited Edition ONE of 50' no verso da caixa do Cyrus Klepcys GMT
Cada uma das três versões disponíveis tem uma tiragem de 50 exemplares | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Cada modelo da Cyrus é fabricado em edição limitada para reforçar a sua mais-valia. No caso do Klepcys GMT Retrograde, cada uma das três versões atualmente disponíveis é concebida numa tiragem de somente 50 exemplares.

Visite o site oficial da Cyrus para mais informações.


Equipamento fotográfico usado:

Leica SL | Macro Elmar 100mm montagem curta para fole de extensão | Adaptador R para L | Fole de extensão |

Outras leituras