fbpx
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Sem Segundos

O ponteiro dos segundos é aquele que, num primeiro instante, nos indica que um relógio mecânico está vivo e não precisa de corda e que um relógio mecânico é mesmo mecânico – embora os relógios prodígio com segundos mortos tenham de ser excluídos neste último caso por efetuarem o salto que associamos aos modelos de quartzo. Mas há relógios mecânicos que não indicam os segundos.

E não se descobrem assim tantos. De facto, a indicação dos segundos tornou-se habitual e há quem estranhe a sua ausência. Em última análise, abdicar dos segundos é um exercício de estilo que contribui não só para a leveza do design, como também nos ajuda naquelas alturas em que dá jeito não pensar que o tempo está a passar. Aqui deixamos uma seleção de relógios mecânicos contemporâneos que se destacam enquanto modelos que não mostram os segundos.

Jaeger-LeCoultre Reverso Classic Medium Duetto

Jaeger-LeCoultre Reverso Classic Medium Duetto Ref. 2588422 | Corda manual | Aço | 40mm x 24mm © Jaeger-LeCoultre
Jaeger-LeCoultre Reverso Classic Medium Duetto
Ref. 2588422 | Corda manual | Aço | 40mm x 24mm © Jaeger-LeCoultre

De um lado da caixa, a indicação das horas e dos minutos, do outro lado, a indicação das horas e dos minutos também. O Jaeger-LeCoultre Reverso Classic Medium Duetto é mesmo isto, um relógio que, tendo na sua origem a versatilidade associada à caixa reversível de inspiração Art Déco, acaba por permitir optar ou por um mostrador, ou por outro, de acordo com a situação ou o estado de espírito. Na parte da frente da caixa, encontra-se um mostrador prateado com dois ponteiros azuis circundados por uma escala das horas com numerais arábicos. Já no reverso da caixa, descobre-se um discreto mostrador preto com acabamento soleil no centro e dois pequenos e elegantes ponteiros prateados.

Audemars Piguet Royal Oak “Jumbo” Extra-Thin

Audemars Piguet Royal Oak “Jumbo” Extra-Thin Ref. 15202BC.OO.1240BC.01 | Corda automática | Ouro branco | 39mm
Audemars Piguet Royal Oak “Jumbo” Extra-Thin
Ref. 15202BC.OO.1240BC.01 | Corda automática | Ouro branco | 39mm © Audemars Piguet

Destacado no Grande Prémio de Relojoaria de Genebra em 2019 na categoria de relógio icónico, o Royal Oak Jumbo Extra-Thin é uma das mais recentes versões de um dos mais icónicos modelos da marca. Porém, não se trata de só mais uma versão tendo em conta que o mostrador em tom champanhe veio oferecer um lado sofisticado e até elegante a um relógio geralmente conotado com tons mais consensuais. A indicação das horas e dos minutos através de dois ponteiros centrais é apenas acompanhada por uma discreta janela da data às 3h. Já a indicação dos segundos foi deixada de parte, como no original de 1972.

Girard-Perregaux Laureato Flying Tourbillon Skeleton

Girard-Perregaux Laureato Flying Tourbillon Skeleton Ref. 99110-53-001-53A | Corda automática | Ouro branco | 42mm
Girard-Perregaux Laureato Flying Tourbillon Skeleton
Ref. 99110-53-001-53A | Corda automática | Ouro branco | 42mm © Girard-Perregaux

Personificando uma ponte entre o passado e o presente, o Laureato Flying Tourbillon Skeleton é um modelo de inspiração rétro-modernista, cujo perfil geométrico evoca os anos 70, através de uma feliz adaptação contemporânea. A estrela deste modelo é o turbilhão volante localizado sensivelmente às 11h num mostrador esqueletizado e com acabamentos de exceção. Horas e minutos são as únicas funções neste relógio de pulso.

A.Lange & Söhne Saxonia Thin

A.Lange & Söhne Saxonia Thin Ref. 201.027 | Corda manual | Ouro branco | 37mm
A.Lange & Söhne Saxonia Thin
Ref. 201.027 | Corda manual | Ouro branco | 37mm © A. Lange & Söhne

Apenas horas e minutos num relógio com uma pureza de design difícil de igualar. Este Saxonia Thin da alemã A.Lange & Söhne foi lançado em 2016 e surpreendeu pelo mostrador subtilmente trabalhado para melhor refletir a estética corrente da família de relógios Saxonia. Comparativamente ao modelo antecedente da coleção, os indexes das horas em formato bastão concebidos em ouro maciço foram ligeiramente aumentados e posicionados mais perto da luneta. A alteração fez com que o mostrador concebido a partir de uma placa de prata maciça ganhasse mais destaque. No interior, vive o calibre de corda manual L093.1, com uns escassos 2,9mm de espessura.

De Bethune DB28XP

De Bethune DB28XP Ref. DB28XPTIS1 | Corda manual | Titânio | 43mm © De Bethune
De Bethune DB28XP
Ref. DB28XPTIS1 | Corda manual | Titânio | 43mm © De Bethune

O novo DB28XP é um dos modelos que celebra o 10º aniversário da coleção DB28 e combina o lado estético tão caraterístico da De Bethune com a complexidade associada à criação de um instrumento do tempo de reduzida espessura. Com um design purista, mas ao mesmo tempo futurista, o novo DB28XP tem uma caixa em titânio numa arquitetura de fusão de espaço, tempo e luz. No centro, encontra-se a platina em forma de delta que oferece iluminação adicional. O destaque vai também para o tom monocromático entrecortado pelos apontamentos azuis dos ponteiros e pelos rubis. No meio desta avalanche conceptual, as funções mais simples: apenas a indicação das horas e dos minutos por meio de ponteiros centrais.

Outras leituras