fbpx

Cvstos Challenge III Chronograph-S

A Cvstos está de parabéns pela terceira geração da sua linha Challenge Chrono Power Reserve. Apresentando uma arquitetura ligeiramente mais alargada, um perfil mais elegante, um maior investimento no conceito modular e sobretudo mais colorida, a linha best-seller da coleção da marca genebrina é uma lufada de ar fresco num panorama relojoeiro excessivamente dominado por relógios redondos de inspiração vintage.


Artigo originalmente publicado no número 75 da Espiral do Tempo (verão 2021)


Mostrador do Cvstos Challenge III Chronograph-S
| © Paulo Pires / Espiral do Tempo

A terceira geração da linha best-seller da Cvstos apresenta uma estética mais apurada do que nunca – assente na reforçada modularidade e em novas soluções cromáticas que a aproximam do automobilismo de competição. Mas o Challenge III Chronograph-S não representa uma mera atualização; é mesmo a evolução da linha Challenge, que o diretor artístico e cofundador da marca genebrina quis absolutamente que fosse mais desportiva do que a geração anterior: Antonio Terranova idealizou a nova estrutura com o fito de possibilitar a personalização consoante o gosto dos diversos mercados ou mesmo do cliente final. 

Detalhe do ponteiro em três braços dos pequenos segundos contínuos do Cvstos Challenge III Chronograph-S
Detalhe do ponteiro em três braços dos pequenos segundos contínuos | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

A caixa de formato tonneau apresenta ‘flancos’ laterais (brancards) mais alargados e devidamente acoplados ao ‘contentor’ central; inclui, também, uma base de suporte para a coroa e os botões do lado direito que tem equivalência do lado esquerdo, para manter a simetria do conjunto. O titânio de grau 5 é o material preferencial utilizado, estando presente na coroa de rosca e nos botões, nos protetores da coroa e dos botões, no ‘contentor’, no fundo ergonómico da caixa e nos brancards – que também podem ser esculpidos em ouro rosa 5N ou em composto de cerâmica ITR2. Em qualquer das variantes, a estrutura modular garante estanqueidade até aos 100 metros e está disponível nos tamanhos médio (53,70 por 41mm) e GT (59 por 45mm). O resultado final é condizente com a premissa que esteve por trás da fundação da própria Cvstos: o de fazer relógios que não se pareçam com os dos avós. 

Pormenor da caixa do Cvstos Challenge III Chronograph-S
A caixa de formato tonneau apresenta ‘flancos’ laterais (brancards) mais alargados e devidamente acoplados ao ‘contentor’ central | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Mostrador de competição

A inspiração dos automóveis de competição GT é reforçada pelo mostrador esqueletizado sob um vidro de safira convexo com tratamento antirreflexo especial. Além dos totalizadores das horas e dos minutos, o ponteiro em três braços dos pequenos segundos contínuos representa um regresso atualizado às raízes da Cvstos – e personifica o ‘S’ de ‘Sport’. O novo indicador de reserva de corda tem dois tipos de indicação, ficando ao mesmo nível da janela da data. 

Detalhe do indicador de reserva de corda do Cvstos Challenge III Chronograph-S
O novo indicador de reserva de corda | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Motorização automática

Através do fundo transparente em vidro de safira, é possível constatar o novo rotor estilizado com braços de titânio e segmento em tungsténio 88 na extremidade para potenciar a circulação rápida nos dois sentidos. Potenciado pelo atelier Concepto, o Calibre Cvstos 577 de carga automática e 42 horas de reserva de corda foi especialmente esqueletizado para evocar o típico espírito do desporto motorizado.

Verso do Cvstos Challenge III Chronograph-S, a ver-se o movimento através do vidro de safira
Fundo transparente em vidro de safira através do qual se pode observar o movimento | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

→ Com um visual dinâmico e cromatismo sublinhado pela bracelete Nitril, o Challenge III Chronograph-S é um concentrado de referências automobilísticas que representa a relojoaria de ponta.

Cvstos Challenge III Chronograph-S no pulso
A inspiração dos automóveis de competição GT é reforçada pelo mostrador esqueletizado sob um vidro de safira convexo com tratamento antirreflexo especial | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Algumas características técnicas:

Cvstos
Challenge III Chronograph-S
Ano de lançamento | 2019

Cvstos Challenge III Chronograph-S visto de frente num fundo branco
Cvstos Challenge III Chronograph-S | © Paulo Pires / Espiral do Tempo

Referência | CVB00107.4176001
Movimento | Mecânico de corda automática, Calibre Cvstos 577, 42h de reserva de corda, 28.800 alt/h.
Funções | Horas, minutos, pequenos segundos, cronógrafo, indicação de reserva de corda e indicação 24 Horas. Data.
Caixa 41 x 54 mm | Titânio. Vidro e fundo em cristal de safira. Tratamento antirreflexo. Estanque até 100 metros. Tratamento PVD.
Bracelete | Cauchu. Fecho de báscula em titânio. 
Preço | 20.380 €

Visite o site oficial da Cvstos para mais informações.

Outras leituras