fbpx
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Patek Philippe anuncia Watch Art Grand Exhibition 2023 Tokyo

Depois do Dubai, de Munique, de Londres, de Nova Iorque e de Singapura, a cidade de Tóquio foi o palco selecionado pela Patek Philippe para acolher a sua Watch Art Grand Exhibition, uma oportunidade para descobrir o universo e a história da marca através de uma grandiosa exposição.

É uma notícia que antecipa já um ano de 2023 em grande no mundo da relojoaria: a Patek Philippe anunciou que a sua Patek Philippe Watch Art Grand Exhibition vai realizar-se em Tóquio no próximo ano e já com data marcada. O evento acontece de 10 a 25 de junho de 2023 no Sumitomo Sankaku Hiroba, localizado entre as torres do distrito comercial de Nishi-Shinjuku.

Esta é assim a sexta edição da exposição que permite a colecionadores, aficionados e público mergulhar por completo no mundo da Patek Philippe e dos seus bastidores.

Imagem retirada do site da Patek Philippe: patek.com

A marca refere que a Patek Philippe Watch Art Grand Exhibition Tokyo será a «maior exposição alguma vez organizada pela manufatura e será acompanhado pelo lançamento de várias edições limitadas», e acrescenta: «Como herdeira da grande tradição genebrina, a Patek Philippe sempre deu grande importância à partilha do seu amor pela alta relojoaria, principalmente através de exposições. Nos anos de 1970 a 1980, no auge da crise do quartzo, a manufatura teve um papel preponderante na forte recuperação do relógio mecânico, com exposições itinerantes sobre temas como “A mão criativa” e “O relógio como obra de arte”. Há dez anos, a Patek Philippe deu um passo em frente ao lançar um novo conceito de Grandes Exposições abertas ao público, oferecendo entrada gratuita e encorajando um conhecimento mais próximo de suas criações, herança, filosofia e amplitude de conhecimento. Ao longo das cinco edições organizadas até à data, estes eventos aumentaram de dimensão e abrangência, acolhendo um total de cerca de 165.000 visitantes.»

A exposição

Em detalhe: nota especial para os relógios em forma de coração, com repetição de minutos e autómato musical. Feitos para o mercado chinês, atribuídos a Jean-Abraham Lissignol (pintura e esmaltagem) e com movimento Piguet & Meylan Cerca de 1815 | © Cesarina Sousa / Espiral do Tempo

A Patek Philippe Watch Art Grand Exhibition Tokyo irá contemplar uma área de 2500 metros quadrados, evocando as ruas de Genebra e o cenário à beira do lago da cidade, incluindo o Relógio de Flores. Dividida em dez áreas temáticas, trata-se de um convite à descoberta do universo Patek Philippe que inclui todos os locais mais renomados da marca em Genebra, nomeadamente, a sede histórica na rue du Rhône, a manufatura em Plan-les-Ouates e o Museu Patek Philippe. Como se estivéssemos lá.

A planta da Watch Art Grand Exhibition Singapore 2019: uma exposição dedicada ao mundo da Patek Philippe. À direita, perspetiva da sala dedicada aos movimentos atualmente em produção pela casa genebrina |  © Cesarina Sousa / Espiral do Tempo

À semelhança das edições anteriores, a exposição aborda ainda diferentes pilares da casa suíça: a atual coleção Rare Handcrafts, que reúne cerca de 500 relógios e objetos que ilustram os diferentes ofícios artesanais que vivem na marca, abrangendo todos os segmentos da relojoaria, desde os ícones de estilo até os mecanismos tecnicamente mais complexos; os ofícios artesanais, incluindo pintura em miniatura sobre esmalte, esmalte cloisonné, gravura à mão, micro-marchetaria em madeira, guiloché executado à mão e cravação, preservados pela Patek Philippe e ilustrados com um conjunto de cerca de 50 peças únicas e edições limitadas inspiradas na cultura japonesa e no seu rico repertório artístico, acompanhadas de demonstrações de artesãos; e as joias do Museu Patek Philippe, nomeadamente, uma seleção de cerca de 190 peças do Museu da marca, em Genebra. Entre as peças pertencentes à coleção antiga (do século XVI ao início do século XIX) estarão incluídos alguns dos relógios mais antigos do mundo e obras-primas técnicas e estéticas que ilustram toda a história da relojoaria.

Ref. 7130R-014 Ladies’ World Time | © Patek Philippe

Tóquio

Antes de Tóquio, a Patek Philippe Watch Art Grand Exhibition realizou-se no Dubai em 2012, em Munique em 2013, Londres em 2015 e Nova Iorque em 2017 e em Singapura em 2019. A escolha de Tóquio para palco da sexta edição é justificada pela importância do mercado japonês para a marca suíça: «Historicamente, o Japão representa um mercado-chave para a marca – um mercado de conhecedores, que valoriza os raros ofícios artesanais e que aprecia toda a excelência técnica e meticulosa mão-de-obra contida num relógio. Os clientes japoneses, nascidos numa cultura que une o respeito pela tradição com o espírito vanguardista, também estão perfeitamente alinhados com o mote “tradição de inovação” que guia a Patek Philippe desde 1839.»

Watch Art Grand Exhibition Singapore 2019: demonstração de trabalhos de esmaltagem | © Cesarina Sousa / Espiral do Tempo

Vale a pena visitar o site da Patek Philippe para saber mais sobre a Watch Art Grand Exhibition Tokyo. A marca divulgou um vídeo que nos ajuda a perceber um pouco daquilo que podemos esperar.

Outras leituras