fbpx
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

O Top 5 da ‘IWC Girl’

Déborah Maldonado é uma das muitas personalidades ligadas à relojoaria que ganhou visibilidade internacional devido ao Instagram. Com a sua conta @IWCgirl, a brasileira de São Paulo especializou-se em fotografias de relógios IWC e já ultrapassou os 30 mil seguidores. Desafiámo-la a confessar-nos o Top 5 dos relógios da marca de Schaffhausen que já passaram pelas suas mãos — e pelo pulso.

Já seguem a ‘Garota IWC’ no Instagram? Se não, podem fazê-lo em @iwcgirl — depois de lerem atentamente este texto em que a nossa amiga brasileira se apresenta e nos desvela o seu Top 5 atual da marca de Schaffhausen.


Antes de mais nada agradeço o convite maravilhoso e gratificante que é escrever para a Espiral do Tempo. O meu nome é Déborah Maldonado e, para além ficarem a conhecer um pouquinho mais sobre a IWC Girl, vou revelar qual é o meu Top 5 de relógios IWC.

IWCGirl © Deborah Maldonado
Déborah Maldonado, a ‘Garota IWC’ © DR

Os relógios fazem os meus olhos brilhar. Essa paixão começou quando eu ainda era criança, mas somente em 2012 tive a certeza de que esse ‘primeiro amor’ mudaria completamente a minha vida! Foi nesse ano que comecei a trabalhar na Boutique da IWC em São Paulo, a primeira boutique da marca no Brasil. Que honra! Fecho os olhos e consigo recordar-me do dia em que fiz a entrevista. Estava extremamente ansiosa, liguei para a minha mãe para compartilhar a minha emoção, estava muito animada com a oportunidade desse emprego; conversamos um pouquinho e ela disse-me: “Filha, você sabia né? Desde pequena você ama relógios, posso provar isso porque tenho suas fotos”. Com tanta motivação, o resultado não poderia ser outro e começou aí a minha história na IWC.

Desde o início, em 2012, eu tirava fotografias aos relógios e enviava para os meus clientes. Com o passar do tempo percebi, através do retorno que eles me davam sobre elas e também dos negócios que geravam, que as minhas imagens faziam mais ‘sucesso’ do que as fotos que eu pesquisava na internet, com aquele tradicional fundo branco. O insight veio em novembro de 2015 quando um cliente, hoje meu guru, me disse que as fotos eram fantásticas e retratavam as peças sob uma outra ótica. Nessa época eu pesquisava muito as páginas do universo relojoeiro, um mundo até então bastante masculino, e não encontrava tantas mulheres comentando sobre relógios, principalmente os masculinos.

Conta de Instagram da IWCGirl
Conta de Instagram @IWCgirl de Déborah Maldonado © DR

Foi então que nasceu a IWC Girl, uma garota escrevendo sobre a fantástica engenharia dos relógios IWC! E cá estou, 5 anos depois, com mais de 31 mil seguidores! Amigos, família, colecionadores da IWC, de outras marcas, todos conectados por um mesmo sentimento: a paixão por relógios. Entre tantos modelos fantásticos, não é tarefa fácil dizer por quais o meu coração bate mais forte, mas vamos lá. Aqui está o meu Top 5 da IWC!

1 – Portugieser Perpetual Calendar em ouro branco

Desenvolvido pelo mestre Kurt Klaus, lá nos anos 80, o calendário perpétuo é a minha complicação preferida da IWC. Esta combinação em especial, com o mostrador azul, as fases da lua dos dois hemisférios em ouro branco e todo o ajuste do calendário efetuado através de uma única coroa, é muito especial, um alento!

© Deborah Maldonado
Portugieser Perpetual Calendar em ouro branco © Déborah Maldonado

2 – Pilot Double Chronograph Top Gun Ceratanium

A inovação de materiais, algo que eu acho fantástico, é super importante nos dias de hoje. O mercado relojoeiro mudou muito, está mais exigente, inovar é preciso e, definitivamente, a IWC é boa nisso! Desenvolvido e patenteado pela IWC, sendo o resultado da junção de dois materiais, a cerâmica e o titânio, o Ceratanium ‘entrou com tudo’ na família Pilot (o primeiro modelo a utilizar a liga foi uma edição limitada do Aquatimer em 2017). O resultado não poderia ser outro, um espetáculo! A fusão entre um material não-metal e um metal proporcionou um relógio hipoalergénico mais leve e ao mesmo tempo anti-frágil. O tamanho da peça é perfeito, o conforto da correia com o seu interior em borracha, o grafite escuro com os números mais claros, sem deixar de serem legíveis, e, por fim, os pequenos detalhes em vermelho fazem desse modelo uma arquitetura que não poderia estar de fora do meu Top 5!

© Deborah Maldonado
Pilot Double Chronograph Top Gun Ceratanium © Déborah Maldonado

3 – Da Vinci Perpétual Calendar Cronograph em ouro rosa

Perdi a conta de quantas vezes coloquei este relógio no meu pulso e confesso que é um dos meus sonhos de consumo.  É um relógio que abraça o pulso, as asas móveis onde se encaixa a correia tornam-no extremamente confortável. Na variante com o mostrador branco consigo ver todos os detalhes do calendário perpétuo, sem contar a história que ele carrega do icónico Da Vinci Perpetual Calendar Chrono de 1985, o primeiro Da Vinci Perpetual Calendar desenvolvido pelo Mr. Klaus. Uma versão atualizada mas sem perder a elegância e identidade do Da Vinci Perpetual.

© Deborah Maldonado
Da Vinci Perpétual Calendar Cronograph em ouro rosa © Déborah Maldonado

4 – Portofino Hand-Wound Tourbillon Rétrograde

É claro que teria de haver um turbilhão por aqui. Sem esquecer que é o meu relógio preferido da coleção Portofino. É elegante e robusto para um relógio clássico, adoro a caixa alta e a safira levemente arqueada, destacando ainda mais a sua beleza! Para além disso, um destaque que me agrada muito é o calibre com oito dias de reserva de corda. Normalmente, um turbilhão de corda manual tem 44/46 horas de reserva, dos modelos que eu já vi e conheço! Mas este tem 192 horas! Não preciso de falar muito mais sobre o relógio, para mim ele é uma obra de arte.

© Deborah Maldonado
Portofino Hand-Wound Tourbillon Rétrograde © Déborah Maldonado

5 – Big Pilot Perpetual Calendar Edition ‘Rodeo Drive’

Como não mencionar o relógio mais emblemático da coleção Pilot, o meu amado Big Pilot! Dos modelos especiais ao clássico 5002, foi o primeiro relógio sobre cuja história eu pesquisei, tive a oportunidade de ver e colocar no pulso o modelo B-UHR (431) no museu da IWC… um sonho! Sou fã do Big Pilot Le Petit Prince, amo o mostrador azul. Dos vários modelos Top Gun, sou alucinada pelo Big Perpetual 502902 — o Big PPC Bronze de estilo militar, com a caixa patina mais apagada e o mostrador verde, é a combinação certa! Mas hoje os meus olhos estão voltados para o ‘Rodeo Drive’, ele jamais ficaria de fora da minha lista. A combinação do mostrador azul com a caixa de cerâmica preta mate conquistou-me logo no SIHH de 2019! Infelizmente nessa altura não consegui ‘abraçar’ esse relógio, somente 11 meses depois é que pude senti-lo e fotografá-lo, fiquei apaixonada!

© Deborah Maldonado
Big Pilot Perpetual Calendar Edition ‘Rodeo Drive’ © Déborah Maldonado
© Deborah Maldonado
Big Pilot Perpetual Calendar Bronze © Déborah Maldonado

NDR: o nosso muito obrigado à Déborah pela sua contribuição, num perfeito exemplo de cooperação entre países irmãos. Esperamos que a colaboração tenha novos episódios no futuro e não se esqueçam: antes havia a Garota de Ipanema, agora há também a Garota IWC…

Outras leituras