fbpx

Watches and Wonders 2023: Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph

Ousadia estética e superlatividade mecânica no novo Reverso que vem celebrar não apenas a Proporção Áurea, mas também as suas raízes desportivas com a integração de um cronógrafo. Um relógio bonito e muito sofisticado que vai certamente dar que falar.

Em 2023, a Jaeger-LeCoultre celebra a Proporção Áurea, relacionando-a com o Reverso. Para a marca, nenhum outro relógio expressa melhor esse princípio do que este acarinhado relógio reversível. Criado em 1931, no auge da Art Déco — movimento que enfatizava padrões geométricos, formas retilíneas e linhas limpas — o design original do Reverso guiava-se precisamente pela Proporção Áurea. 

Frente do Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph em ouro rosa
O novo Reverso Tribute Chronograph em ouro rosa | © Jaeger-LeCoultre

Depois, muitas foram as variações de caixa lançadas, mas respeitando as proporções originais. A Jaeger-LeCoultre reforça: a Proporção Áurea continua a definir o design do Reverso. São, por isso, vários os lançamentos Reverso deste ano; no entanto, há um que se destaca porque no fundo surge como uma outra vertente de regresso às origens.

Verso do Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph em aço
O verso do novo Reverso Tribute Chronograph em aço | © Jaeger-LeCoultre

Reverso Tribute Chronograph

O novo Reverso evoca as raízes desportivas dos seus antepassados ao recuperar a função de cronógrafo. Na prática, os Reverso originais foram criados para sobreviver às investidas dos violentos jogos de polo — daí a caixa protetora reversível. Neste caso, a caixa reversível não serve para proteger um mostrador, mas antes para exibir dois mostradores totalmente distintos. 

Verso do Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph em ouro rosa
Verso do Reverso Tribute Chronograph em ouro rosa | © Jaeger-LeCoultre

O primeiro mostrador, na frente, é clean, elegante simples, com traços base da linha Reverso Tribute, e indica apenas as horas e os minutos sob um fundo soleil; já o verso é uma espécie de cara metade inesperada que revela uma complexidade hipnotizante para quem é verdadeiro apreciador de micro-mecânica pura. É aí que se esconde o cronógrafo num mostrador esqueletizado que abre as vistas para o novo Calibre 860, capaz de unir duas funções distintas contempladas em dois distintos mostradores. Inspirado no Reverso Chronograph de 1996, está disponível com caixa em aço e em ouro rosa. 

Frente do Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph em aço
Reverso Tribute Chronograph em aço | © Jaeger-LeCoultre

Com opções de tecido e pele ou totalmente em pele, as correias com fecho intercambiável são criadas pela Casa Fagliano, reconhecida pelas suas botas destinadas ao polo, o que acrescenta um toque de sofisticação desportiva ao modelo.

Uma das grandes surpresas deste ano relojoeiro.

Características técnicas

Jaeger-LeCoultre
Reverso Tribute Chronograph

Ano de lançamento | 2023

Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph em ouro rosa frente e verso
Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph em ouro rosa | © Jaeger-LeCoultre
Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph em aço frente e verso
Jaeger-LeCoultre Reverso Tribute Chronograph em aço | © Jaeger-LeCoultre

Referência | Q389257J (Ouro rosa); Q389848J (Aço).
Movimento | Mecânico de corda manual, Calibre Jaeger-LeCoultre 860. 52 horas de reserva de corda. 28.800 alt/h. 38 rubis.
Funções | Horas e minutos nos dois mostradores, cronógrafo com contador retrógrado de 30 minutos no mostrador do verso.
Caixa 49,4 mm x 29,9 mm x 11,14 mm | Ouro rosa 750/1000 (18 kt) ou aço. Estanque até 30 metros.
Mostrador | Frente: preto ou cinza-azulado escovado com efeito raiado; Verso: esqueletizado. Ponteiros Dauphines.
Bracelete | Pele de bezerro e tecido da Coleção Fagliano. Correia adicional em pele de bezerro.
Preço |
 Sob consulta.

Visite o site oficial da Jaeger-LeCoultre para mais informações.

Outras leituras