fbpx

A propósito dos 90 anos do Mickey Mouse: os relógios que dão vida ao mais famoso rato do mundo

Foi no dia 18 de novembro de 1928 que o Mickey Mouse (Rato Mickey) fez a sua primeira aparição no cinema, numa curta metragem de animação que representou apenas o início de um percurso tão longo, como diversificado.  A este propósito, recomendamos dois artigos descomplicados, bem ilustrados e que nos ajudam a perceber um pouco melhor os meandros de mais uma das fascinantes histórias que guarda o mais famoso rato do mundo.

Foi no dia 18 de novembro de 1928 que o Mickey Mouse (Rato Mickey) fez a sua primeira aparição no cinema, numa curta metragem de animação que representou apenas o início de um percurso tão longo, como diversificado.  E se quisermos destacar momentos inéditos na sua carreira como o facto de ter sido a primeira personagem de animação a ter direito a uma estrela no Passeio da Fama em Hollywood ou o facto de a Academia ter distinguido a Disney pela criação desta personagem, interessa-nos mais relembrar que o mais famoso rato do mundo não foi só estrela de cinema, de televisão e de banda desenhada, mas também tem sido ao longo dos tempos uma grande estrela nos mostradores de relógios.

A primeira aparição do Mickey Mouse foi na curta-metragem 'Steamboat Willie'
A primeira aparição do Mickey Mouse foi na curta metragem ‘Steamboat Willie’

A ligação mais conhecida tende a ser a Gérald Genta que, nos anos 80, estabeleceu  um acordo com a Walt Disney para usar os seus personagens em modelos cujos ponteiros retrógrados eram os braços deles – com o Mickey à cabeça, como não poderia deixar de ser.

@ Gerald Genta
Modelos Disney @ Gerald Genta

No entanto, muito antes de Genta, já o simpático rato dava nas vistas em modelos de outras marcas, nomeadamente a Ingersoll-Waterbury Watch Company  – que patenteou o conceito mais inconfundível em que os braços de Mickey serviam como ponteiros e acabou por ser a primeira marca licenciada pela Disney para produção dos primeiros relógios oficiais da companhia. E é por isso mesmo que este ano a própria Ingersoll celebra o 90º aniversário do famoso rato com a reedição limitada do modelo original:

Mas regressando ao passado, um dos aspetos mais interessantes passa pelo facto de que foram muitas as personalidades que começaram a surgir em público com relógios que tinham o Mickey no mostrador e foi precisamente a elevada procura que fez com que a Disney tivesse de licenciar outras companhias para produção dos seus relógios, como a Seiko, a Elgin ou a Hamilton.

Versões Mickey Mouse da Omega e da Rolex.
Versões Mickey Mouse da Omega e da Rolex.

Ao longo dos tempos, a relação entre o Rato Mickey e os relógios tem permanecido sólida e tem passado mesmo por modelos Rolex costumizados e modificados, por modelos assinados Omega ou pelas opções de mostradores do Apple Watch. Sem contar com inúmeras outras marcas nos mais diversos segmentos de preço que criam relógios decorados com o Mickey para todas as idades.

Apple Watch Mickey Mouse @ Apple
Apple Watch Mickey Mouse @ Apple

Agora, a Citizen apresentou também oito relógios Mickey Mouse que vêm celebrar os 90 anos do Mickey. Um lançamento que ocorre nove meses depois de a marca ter assinado um contrato com a Disney que a estabeleceu enquanto Official Timekeeper do Walt Disney World Resort e do Disneyland Resort. No entanto, os relógios só estarão disponíveis para venda a partir do próximo ano.

Nova edição Mickey Mouse da Citizen
Nova edição Mickey Mouse da Citizen

Estas são algumas das curiosidades que vai descobrir no artigo “Once Upon A Time: The Pop Culture Impact of Mickey Mouse Watchesda autoria de Rhonda Riche,  publicado há uns meses no Watchonista, mas também no artigo “Mickey Mouse – Celebrating an Icon” da autoria de Balazs Ferenczi, publicado no passado domingo no site Fratello Watches.

Dois artigos descomplicados, bem ilustrados e que nos ajudam a perceber um pouco melhor os meandros de mais uma das fascinantes histórias que guarda o mais famoso rato do mundo.

Outras leituras