Patek Philippe: cinco notas sobre a Ref. 5230P-001 World Time

Lançada em 2022, a Ref. 5230P-001 World Time deixou de estar este ano presente no catálogo online da Patek Philippe. Aqui ficam algumas notas que nos ajudam a perceber um pouco melhor este relógio de pulso que tem caraterísticas muito próprias no seio dos modelos da marca genebrina com indicação da hora mundial.

A Ref. 5230P-001 descende dos relógios com indicação World Time produzidos entre as décadas de 1930 e 1960 para a Patek Philippe. Lançada em 2022, esta peça veio combinar pela primeira vez na coleção da marca uma caixa em platina com uma bracelete e um mostrador azuis. No entanto, apesar de provavelmente ainda poder ser encontrado em agentes oficiais, este relógio deixou de estar presente no catálogo regular online 2024 da Patek Philippe e era o último da sua linhagem. Isto significa que com ele nos despedimos – pelo menos, por enquanto – de alguns aspetos únicos associados a estes modelos com hora mundial. Por isso mesmo, vale a pena perceber o que tem de caraterístico este relógio de pulso enquanto World Time Patek Philippe.

Ref.5230P-001 da Patek Philippe
A Ref. 5230P-001 foi lançada em 2022 | Foto: Patek Philippe

A complicação

A Ref. 5230P-001 traduz bem o rico percurso da Patek Philippe no domínio das complicações para viajantes, nomeadamente das soluções com indicação da hora mundial desenvolvidas por Louis Cottier (1894-1966). Em 1931, este relojoeiro introduziu um sistema das horas universais, com a indicação central de horas e minutos ligada a um disco rotativo de 24 horas que permitia ler num relance os 24 fusos horários na sua relação com um disco fixo que tinha o nome das cidades referentes a cada um. Numa época de pleno desenvolvimento das viagens aéreas e comunicações internacionais, este sistema foi considerado uma revolução. Depois, Cottier acabaria por desenvolver várias soluções associadas a esta forma de mostrar o tempo do mundo.

Ref.5230P-001
Com caixa em platina e mostrador azul, a Ref.5230P-001 traduz bem a evolução da Patek Philippe no domínio das complicações com hora mundial | Fotos: Patek Philippe

Em 1950, a inclusão de um disco amovível com o nome das cidades e de uma segunda coroa vieram simplificar o uso da complicação. A Patek Philippe foi uma das marcas que manifestou interesse pelas invenções de Cottier. E foi mesmo para a Patek Philippe que o relojoeiro criou diversos relógios com função World Time. Partindo da herança de Louis Cottier, a casa genebrina foi depois, ao longo dos tempos, consolidando com melhorias a presença desta complicação no seu portefólio. Os discos amovíveis da Ref. 5230P-001 bebem assim deste legado e tornaram-se mesmo elementos identitários dos modelos World Time da marca.

A linhagem

A Ref. 5230P-001 integra a linhagem 5230, lançada em 2016, que veio substituir todos os modelos com indicação World Time da Patek Philippe, como resposta às então novas designações e alterações nos fusos horários. A nova linhagem trouxe consigo uma caixa Calatrava, mostrador e ponteiros redesenhados face aos modelos anteriores. De facto, o mostrador foi devidamente ajustado à nova realidade: a designação ‘Riyadh’ foi substituída pela designação ‘Dubai’, e ‘Noumea’ foi substituída por ‘Brisbane’. Outra alteração foi a alteração do fuso relativo a Moscovo: ‘UTC+3’ em vez de ‘UTC+4’.

O disco com as cidades inclui as alterações estreadas em 2016, nos primeiros modelos da Ref.5230 | Foto: Patek Philippe

A marca explicou ainda que esta razão levou também a uma atualização da escala da cidade no novo relógio. A Ref.5230 foi originalmente lançada em ouro rosa e em ouro branco. Foram ambas descontinuadas antes da apresentação da agora descontinuada Ref. 5230P-001. Pelo caminho, vimos ainda ser lançada uma edição especial com a mesma referência dedicada à cidade de Nova Iorque no âmbito da Watch Art Grand Exhibition New York. No fundo, estas referências são testemunhas de um momento de mudança na história do mundo e do tempo.

Botão de pressão

Ref. 5230P-001 da Patek Philippe
O botão retangular permite ajustar o fuso horário na relação entre os dois discos amovíveis | Foto: Patek Philippe

O botão retangular que se encontra na posição das 10h é hoje outro dos elementos de assinatura dos modelos World Time da Patek Philippe e resulta da afinação desta complicação base pela marca genebrina ao longo dos tempos. Em 2000, por exemplo, foi lançada a Ref.5110 HU G, em ouro branco, o primeiro World Time da Patek Philippe com um prático botão de pressão às 10h que permitia ajustar o disco rotativo das cidades em incrementos de uma hora. A caixa em platina da Ref. 5230P-001 é precisamente complementada com esta solução técnica, permitindo o controlo simultâneo e permanente da hora em cada um dos 24 fusos. Cabe ao Calibre 240 HU ultra-fino de corda automática fazer com que tudo aconteça a olhos vistos no mostrador. Com rotor descentrado integrado, o mecanismo pode ser apreciado através do fundo em vidro de safira e é o mesmo Calibre de todos os modelos com Ref. 5230.

O fundo da Ref. 5230P-001 da Patek Philippe
O relógio está equipado com o Calibre 240 HU ultra-fino, com microrrotor descentrado | Fotos: Patek Philippe

A decoração do mostrador

O mostrador azul da Ref. 5230P-001 tem a zona central decorada com um padrão circular em guilloché, mais um dos elementos de assinatura associados aos relógios com indicação World Time da Patek Philippe. O padrão varia de modelo para modelo. No caso deste relógio, trata-se de um padrão que faz lembrar a arte da ‘cestaria’. Por outro lado, existem ainda modelos que, em vez de guilloché, são decorados na zona central com pinturas esmaltadas. Essas decorações podem representar, por exemplo, mapas ou uma das cidades indicadas no disco da periferia. A zona central decorada não surge do nada, naturalmente. É inspirada em soluções estéticas de modelos passados. A já referida Ref.5110 HU G, por exemplo, tinha uma zona central branca com padrão circular em guilloché e a Ref.2523HU, uma das primeiras a estar equipada com uma segunda coroa às 9h, tinha uma zona central com a representação esmaltada da Europa.

O centro com decoração elaborada em guilloché é outro elemento marcante, neste caso com padrão circular tipo ‘cestaria’ | Foto: Patek Philippe

Os ponteiros

O formato dos ponteiros centrais é indissociável da Ref.5230 e, como membro da família, a Ref. 5230P-001 foi agraciada com estes elementos. Na prática, o ponteiro das horas é aberto e tem um formato inspirado na constelação Cruzeiro Sul; por outro lado o ponteiro dos minutos tem a forma de um losango alongado. Estes ponteiros vieram, em 2016, substituir o anterior ponteiro anelar das horas que derivava diretamente de modelos históricos Patek Philippe com indicação World Time. No catálogo regular disponível online, não existem mais modelos com este formato de ponteiros. Agora é esperar para ver o que de novo nos traz 2024, com a despedida deste modelo.

O diamante embutido entre as asas inferiores da caixa é caraterístico dos modelos em platina da marca | Foto: Patek Philippe

Outras leituras