Dia Internacional da Mulher: histórias para ler e reler

Para assinalar o Dia Internacional da Mulher, relembramos hoje seis histórias relojoeiras dos nossos arquivos mais recentes que têm mulheres como protagonistas. Para ler e reler.

Chopard com Julia Roberts

Julia Roberts by Greg Williams
Julia Roberts é embaixadora de todas as coleções femininas de joias e relógios da Chopard | Foto: Greg Williams, cortesia Chopard

Este ano, a Chopard reforçou a sua relação com Julia Roberts. A atriz bem conhecida pela sua brilhante carreira passou a ser o rosto de todas as coleções femininas da marca suíça – de joias e de relógios. Para celebrar esta ligação, a Chopard apresentou há uns meses uma nova campanha de vídeo, dirigida por James Gray, que evoca um outro ponto de ligação entre a marca e Julia Roberts – o cinema. Desde então, têm vindo a ser lançados vídeos alusivos a esta campanha que nos levam a descobrir uma Julia Roberts fora das câmaras, natural, descontraída e confiante, num jogo que brinca entre o improviso e o argumento.

Rebecca Struthers

Rebecca Struthers
Rebecca Struthers | Foto Andy Pilsbury, cortesia Struthers Watchmakers

Considerada como uma das maiores especialistas em relojoaria no mundo, Rebecca Struthers foi a primeira pessoa a doutorar-se na área que, aos 17 anos, escolheu seguir. Com o seu marido, gere a Struthers Watchmakers, um pequeno atelier em Birmingham que parece uma viagem no tempo: concebe peças únicas de raiz e recupera obras-primas complicadas. Como se fazia antigamente. Recentemente lançou um livro que nos mostra a história do tempo numa perspetiva muito pessoal: Hands of Time. Além disso, o perfil oficial de Instagram de Rebecca Struthers é também uma incontornável fonte de aprendizagem.

Rolex Awards for Enterprise

Rolex Awards for Enterprise
Denica Riadini-Flesch foi uma das galardoadas da edição de 2023 do programa Rolex Awards for Enterprise pelo seu projeto desenvolvido com artesãs da Indonésia | Foto: cortesia Rolex Awards for Enterprise

O programa Rolex Awards for Enterprise, integrado na iniciativa Perpetual Planet, apoia diversos projetos de diferentes áreas. Muitos desses projetos são liderados por mulheres e alguns têm-se revelado de muita importância no âmbito do empoderamento feminino. O caso de Denica Riadini-Flesch é um exemplo recente, com uma iniciativa levada a cabo na Indonésia com artesãs locais. Fundado em 1976, no âmbito do 50.º aniversário do relógio de mergulho Oyster, o programa Rolex Awards for Enterprise tem como objetivo distinguir e apoiar pessoas de todo o mundo por projetos inovadores que estimulam o conhecimento e contribuem para uma melhoria da vida no nosso planeta.

Breitling no feminino

Charlize Theron é embaixadora da Breitling | Foto: cortesia Breitling

Foi com um novo episódio da campanha «Navitimer – For the Journey», protagonizada por Charlize Theron que a Breitling apresentou recentemente novos modelos Navitimer de dimensões mais reduzidas e mostradores coloridos. A campanha protagonizada pela atriz sul-africana faz parte de uma série intimista, na qual os embaixadores da marca Breitling contam a sua história pelas suas próprias palavras. Mais recentemente, a marca uniu-se a Victoria Beckham não enquanto embaixadora, mas enquanto designer. O resultado desta parceria foi o lançamento do Chronomat Automatic 36 Victoria Beckham em edição limitada, que se mantém fiel às caraterísticas clássicas do Chronomat, mas foi enriquecido com uma paleta de cores primaveris.

The Story Of The Radium Girls

Jovens americanas sentadas a pintar mostradores com tinta à base de rádio.
Jovens americanas a aplicar tinta luminescente em mostradores | Foto: DR

Seja em livro, filme ou documentário, a história sobre as ‘Radium Girls’ merece ser sempre relembrada. No início do século XX, e com a Primeira Guerra Mundial, algumas empresas norte-americanas especializadas na aplicação de tinta luminescente (grande novidade na altura) nos mostradores dos relógios começaram a expandir-se de forma significativa. A aplicação dessa tinta era feita por centenas de jovens através de lip-pointing, uma técnica que consistia em afiar o pincel com os lábios de modo a poder cobrir com a máxima precisão todos os elementos. Claro está que os riscos deste procedimento lhes eram totalmente alheios: falamos de uma tinta à base de rádio numa época em que os cientistas começavam ainda a perceber as caraterísticas prejudiciais desta substância, bem como a sua particularidade de emitir radiação beta e gama. Porém, bem melhor do que os cientistas, estas jovens começaram a perceber e a sentir na própria pele os efeitos nefastos da exposição a este elemento. A luta destas mulheres pela justiça e contra os interesses corporativos.

Brittany Nicole Cox

No trailer, Brittany Nicole Cox fala perto do início do primeiro minuto | Vídeo: Keeper of Time

Já falámos por diversas vezes do documentário Keeper of Time, mas hoje voltamos a falar para destacar o trabalho de Brittany Nicole Cox, especializada no restauro de autómatos antigos, e uma das poucas pessoas especializadas em horlogia. Michael Culyba, realizador do documentário refere: «Uma das minhas partes favoritas do filme é a visita ao atelier de Brittany Nicole Cox, no momento em que é apresentado o cisne prateado. Se pensarmos que esse cisne foi feito em 1773, ainda sem eletricidade, durante o dia ou à luz das velas, com máquinas com pedais ou tudo à mão, é surpreendente! Além disso, são objetos que resistem ao teste do tempo. Alguém pode restaurar o cisne e, passados 200 e tal anos, ainda funciona. Este lado fascinou-me imenso: num mundo de obsolescência, em que deitamos fora computadores, telemóveis poucos anos depois, tornando-se lixo, estes objetos são reparáveis e bonitos, mantêm o seu valor, e vale a pena serem guardados e serem passados a gerações futuras. Em última análise, se forem preservados, duram. Carregam consigo este significado mais profundo.» Se pensarmos no trabalho de Brittany, é difícil não agradecer o seu contributo para manter vivas máquinas tão incríveis. No trailer do documentário, podemos vê-la aos 59segundos. Vale a pena acompanhar também o seu trabalho no seu perfil oficial de Instagram.

Outras leituras